Voz


PodCast



Enquete





Blog

Comportamento

Dia mundial sem carro: 200 mil baianos preferem utilizar o metrô todos os dias

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 22/09 07:55h
Dia mundial sem carro: 200 mil baianos preferem utilizar o metrô todos os dias

Em Salvador, quase 800 mil pessoas estão habilitadas a dirigir uma frota de quase um milhão de veículos, segundo dados do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Com a chegada do metrô até a estação de Mussurunga, cerca de 200 mil baianos deixam de usar carro ou pegar ônibus todos os dias, de acordo com a CCR Metrô Bahia. No Dia mundial sem carro, comemorado nesta sexta (22), as pessoas são convocadas a utilizar esse sistema. O investimento de R$ 8 bilhões do Governo do Estado no Programa Mobilidade Salvador está sendo feito para que, na capital baiana, todo dia seja um dia mundial sem carro.Com a implantação do metrô, que possui 19 estações em operação, além dos terminais para integração de ônibus urbanos e intermunicipais, muita gente já está deixando o carro em casa. O promotor de vendas Brás Hipólito é uma delas. “Facilita bastante, economizo tempo, gasolina e chego sempre no horário marcado”.Agente de portaria, Valdinei Brito passeia com a família de metrô. “É mais cômodo, mais prático, mais rápido. E a gente tem que aproveitar porque é uma coisa nossa. Deixo o carro em casa e vou com a mulher e os filhos na Lapa. Gostei muito”. A recepcionista Rita Vieira tinha carona certa para a rodoviária. Preferiu o metrô. “Moro em Stella Maris, pedi que me deixassem aqui. É mais prático, mais rápido e mais confortável”.(Política Livre)

Comente agora

Pastor ensina técnica para diminuir nervosismo na hora de pregar

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 21/09 23:28h
Pastor ensina técnica para diminuir nervosismo na hora de pregar

O pastor Everson Alessandro, por meio do canal no YouTube Instituto Mundo Bíblico, publicou um vídeo com o objetivo de ensinar uma técnica que tem a pretensão de reduzir a ansiedade de pregadores. Segundo ele, a intenção surgiu por situações pessoais de ansiedade mesmo tendo feito preparações, estudos para que a liturgia seguisse por seus tramites comuns. A principal justificativa, em sua avaliação, é o fato de ser um ambiente novo. “Tem gente que chega em um lugar que não conhece e começa a pensar assim: ‘Poxa será que o público vai receber de mim? Será que o público vai conseguir entender?’”, afirmou. A respiração, na sua visão, é o principal recurso a ser gerenciado. “A gente sabe que tudo passa pela respiração. Todo nosso sistema, tanto a parte fisiológica e orgânica estão ligadas e a ela se complementam”, justificou. O pastor estabelece a tese de que, quando as pessoas aprendem a respirar, o corpo humano acaba sendo ‘notificado’ que “as coisas estão resolvidas”. Ele, ainda, defende que “isso é ciência”. “Primeiro vou colocar aqui o ponto de ansiedade. É algo que todos nós já passamos. E se manifesta seja quando a mão está tremendo, as pernas, gaguejando, você tomando muita água, ficando com a boca seca”, exemplificou. Ele ainda afirma que existem dois estágios, a ansiedade e o comodismo. “Você preparou tudo e está pronto para ministrar. Você domina um assunto, você conhece a plateia, tá todo mundo ao seu redor. Se tá nervoso, você precisa respirar”, contou. 

Assista:

Comente agora

Brasil vai aceitar recomendação que prega o casamento com "marido e mulher"

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 20/09 21:45h
Brasil vai aceitar recomendação que prega o casamento com "marido e mulher"

Deputados evangélicos e católicos se uniram para pressionar o governo de Michel Temer (PMDB) a modificar a posição do País sobre uma proposta do Vaticano de definir a "família natural" e o casamento com "marido e mulher". A proposta da Santa Sé foi apresentada durante a Revisão Periódica Universal do Brasil, em maio na sede da Organização das Nações Unidas (ONU). Naquele momento, governos de todo o mundo e as Nações Unidas avaliaram as políticas de direitos humanos no Brasil.  Nesta quinta-feira, 21, o governo terá de explicar à comunidade internacional em Genebra quais medidas aceitará adotar. No total, 246 recomendações foram feitas ao País por mais de cem países sobre direitos humanos. Na semana passada, num documento enviado à ONU, o Brasil indicou que aceitaria 242 delas.  O jornal O Estado de S. Paulo revelou, porém, que quatro propostas foram recusadas. Uma delas foi a do Vaticano de "proteger a família natural e o casamento, formado por um marido e uma mulher, como uma unidade fundamental da sociedade".  Sem dar explicações em um documento submetido à ONU há uma semana, o governo de Michel Temer apenas indicou que essa não seria uma proposta que seria aceitável.  

Comente agora

Esgotamento mental não é frescura; saiba como combater o problema

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 20/09 18:59h
Esgotamento mental não é frescura; saiba como combater o problema

O cansaço mental pode ser sentido quando, além do esgotamento físico, você sente falta de estímulos para interagir socialmente, percebe ansiedade e estresse sem motivos aparentes, irritabilidade e também dificuldade de concentração e memorização. Esses sintomas podem ser facilmente confundidos e tratados por seus sintomas físicos, mas o problema, ao ser identificado, deve ser solucionado.  Ele pode ser provocado por excesso de demandas, sejam elas pessoais ou profissionais, pressão social, cobrança, autocrítica exagerada, alimentação inadequada, sedentarismo e sono desregulado. Para melhorar o quadro, é possível adotar medidas simples para combater o problema sem necessariamente tomar remédios, confira a seguir:

1) Uma rotina de sono é essencial. Faz bem manter a disciplina do horário de descanso, dormindo sempre no mesmo horário e em um ambiente livre de barulhos e sem forte iluminação, para que o relaxamento seja total.

2) Um cardápio equilibrado e cheio de nutrientes também ajuda a evitar o cansaço mental. Evite exageros nas refeições e fuja de dietas restritivas que te deixam com fome.

3) De acordo com o site Vix, beber bastante água, mantendo a média de dois litros por dia ajuda a evitar a desidratação, que causa dores de cabeça, fome exagerada, e prejudica a concentração.

Comente agora

Em carta escrita em 1935, Sigmund Freud negou possibilidade de cura gay

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 20/09 17:23h
Em carta escrita em 1935, Sigmund Freud negou possibilidade de cura gay

Sigmund Freud recebeu em 1935 uma carta de uma mãe aflita lhe perguntando se poderia ajudar seu filho homossexual a deixar de se atrair por pessoas do mesmo sexo. O pai da psicanálise foi enfático na resposta: "não podemos prometer esse resultado". O manuscrito tem sido compartilhado nas redes sociais em protesto contra liminar do juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara do Distrito Federal, que deu, na última sexta-feira (15), aval a terapias de "reversão sexual". Tal prática é proibida pelo CFP (Conselho Federal de Psicologia) desde 1999. A entidade se manifestou contra a liminar. A decisão deu origem a uma série de memes nas redes sociais e reações indignadas. "Não apenas Freud, mas vários estudos mostram que nada pode alterar a natureza do desejo sexual", diz o psicólogo Klecius Borges. "Há tentativas nesse sentido baseadas em princípios religiosos, mas o que muda é o comportamento da pessoa. Há uma diferença grande entre comportamento e desejo sexual", completa.

Comente agora

Depressão e preguiça: como diferenciar?

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 19/09 21:41h
Depressão e preguiça: como diferenciar?

Muita gente confunde preguiça e depressão. Entretanto, quando a preguiça pode ser um sinal de depressão? O psiquiatra e consultor Daniel Barros explicou essa diferença no Bem Estar desta sexta-feira (8). A psicóloga especialista em neuropsicologia e desenvolvimento profissional Maitê Lourenço falou sobre a relação trabalho, estresse e depressão.  Na depressão não há graça em fazer as coisas – o que é bom fica indiferente, o que é indiferente fica ruim e o que é ruim fica intolerável. Isso porque a doença altera o entendimento sobre as coisas. Já a preguiça surge por outros motivos: a pessoa é calma e parece que é preguiçosa, ela precisa descansar, tem algum distúrbio do sono, problemas na tireoide.  A depressão tem um ciclo que se repete: ‘eu não faço nada, eu não tenho vontade’. Para interromper esse ciclo, é importante tentar fazer um pouquinho gradualmente, antes mesmo de ter vontade. Não espere a vontade vir para fazer. O fazer vem antes da vontade e é ele que quebra o ciclo. 

Excesso de atividades: Outra coisa que pode levar a depressão é o excesso de atividades. Para conseguir olhar para a própria rotina e entender se está tudo bem, existe uma técnica simples que ajuda a diagnosticar e até tratar a depressão: o quadro de atividades.  

Comente agora

Crianças são mais saudáveis quando os pais dividem a guarda, diz estudo

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 19/09 14:03h
Crianças são mais saudáveis quando os pais dividem a guarda, diz estudo

Ao passar por um divórcio, uma família tem que aprender a viver de uma forma diferente do que costumava ser. É um processo difícil, o qual exige muito diálogo e ajustes ao longo do tempo, principalmente se houverem crianças envolvidas. Algumas famílias costumam deixar a criança vivendo com um dos pais e quem não fica com a guarda faz visitas a cada 15 dias, finais de semana ou outras datas planejadas. Há famílias também que preferem dividir a guarda, deixando uma semana com o pai e outra com a mãe. De acordo com um estudo feito na Universidade de Estocolmo, na Suécia, os filhos que moram em casas diferentes têm a tendência de serem mais saudáveis e felizes. Enquanto as crianças que vivem com apenas um dos pais costumam ser mais estressadas por se preocuparem com o pai ou mãe que veem menos. Além disso, em comparação com as crianças que vivem com guarda compartilhada, elas perderam o contato com mais familiares e amigos ao longo da vida, apresentando também problemas financeiros na idade adulta.

Comente agora

Descubra por que a fome muda o humor

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 17/09 09:29h
Descubra por que a fome muda o humor

Você sente fome e começa a ficar irritado, sem paciência e só consegue pensar em comida. Identificou-se com o quadro? Pois é, a fome realmente nos deixa menos racionais e mais emocionais, conforme já foi provado em um estudo realizado em 2014 e publicado no periódico Proceedings of the National Academy of Sciences, que concluiu que quanto menores eram os níveis de glicose no sangue, maior era a irritação e raiva dos voluntários. As dietas restritivas são outro gatilho para ficar com muito mau humor e irritação. Mas por quê? Segundo o Clique Ciência, do UOL, a culpa é da queda nos níveis de glicose no sangue, a chamada hipoglicemia. "A hipoglicemia leva à liberação de hormônios relacionados ao estresse, como o cortisol e a adrenalina", comenta o endocrinologista Márcio Mancini. Comportamentos mais agressivos também podem surgir devido a liberação do neuropeptídeo Y (NPY), um potente estimulador do apetite. A explicação para o comportamento de raiva pode estar nos nossos antepassados e na evolução.

Comente agora

Transtornos mentais entre jovens preocupa universidades

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 17/09 08:55h
Transtornos mentais entre jovens preocupa universidades

A euforia sentida por Evair Canella, de 25 anos, ao entrar em Medicina na Universidade de São Paulo (USP) se transformou em angústia e tristeza. Ao encarar a pressão por boas notas, a extenuante carga horária de aulas, as dificuldades financeiras para se manter no curso e os comentários preconceituosos por ser gay, ele foi definhando. "Tinha muitas responsabilidades, com muitas horas de estudo." Em maio, no 4.º ano do curso, foi internado no Instituto de Psiquiatria da USP, com depressão grave. Ficou lá durante um mês e segue com antidepressivos e acompanhamento psicológico. Situação parecida viveu a estudante de Engenharia da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) Bárbara (nome fictício), de 21 anos, que trancou a matrícula após desenvolver um quadro de ansiedade e depressão que a levou à automutilação e a uma tentativa de suicídio no fim de 2016. Ela passou por tratamento, mudou de cidade e de faculdade, e retomou em agosto os estudos.

Comente agora

Fotos nas redes sociais podem expressar uma imagem que não queremos

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 15/09 08:25h
Fotos nas redes sociais podem expressar uma imagem que não queremos

Os jovens não ligam e, em geral, postam fotos sem pensar duas vezes nas redes sociais. Já os mais velhos ainda têm um pouco mais de medo de se expor. Curiosamente, até esse tipo de comportamento faz parte do trabalho da consultoria de imagem.  “Apesar de termos a liberdade de representarmos diferentes papeis nas redes sociais, antes de postar qualquer foto pessoal, é legal pensar na mensagem que ela pode transmitir, como você quer que as pessoas o vejam, percebam”, reflete Vandressa Pretto, diretora da escola francesa de consultoria de imagem Ecole Superieure de Relooking.  Embora não exista um código de conduta ou comportamento on-line, recorrer ao bom senso é uma estratégica para se proteger. “Não existem regras rígidas, felizmente, mas, às vezes, esquecemos que uma postura mais ousada, poucas roupas, selfies após baladas, gestos, caretas e até a exposição de outras pessoas podem remeter a conotações individuais diferentes, distantes da forma que quer se apresentar”, avalia. Outra questão: essas fotos ficam na internet e podem ser vistas por quem não deveria, como os recrutadores de empresas ou chefes, ainda mais caso não aparecem de forma privada.

Comente agora

5 hábitos simples para acabar com o cansaço excessivo

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 14/09 20:24h
5 hábitos simples para acabar com o cansaço excessivo

Não é difícil encontrar pessoas que, mesmo conseguindo dormir bem todas as noites, estão sempre cansadas, com sono e sem muita disposição para realizar as tarefas de todo dia.  Se isso acontece com você também, não é novidade o fato de que esse cansaço excessivo e constante nada faz além de atrapalhar a sua vida e de prejudicar a sua produtividade seja na hora de trabalhar, de estudar, de cuidar dos filhos e até mesmo de aproveitar um dia ensolarado ao lado da família ou dos amigos.  Com esse problema em mente, não adianta em nada desanimar e deixar que o cansaço tome conta e que as coisas continuem como estão, com a sensação de que a energia está sempre prestes a chegar ao fim.  Felizmente, existem maneiras de resolver o problema, e as dicas que daremos a seguir prometem ser a solução que você talvez acreditasse que nem existia.  Tudo o que você precisa fazer, no final das contas, são algumas mudanças pequenas e sutis em sua vida, para que elas tenham como efeito um ganho extra de energia e disposição. Ao adotar pequenos hábitos, como beber mais água e ficar mais tempo longe das redes sociais, você acaba ajudando seu corpo a trabalhar melhor e, por consequência, esse cansaço excessivo, que mais parece um urso sentado em seus ombros, acaba indo embora. Confira que dicas são essas e depois nos conte se você vai colocá-las em prática:

1. Beba mais água:  O inverno está acabando, e com as temperaturas mais altas, seu corpo vai pedir mais água, o que é ótimo. No entanto, não é preciso esperar sentir sede para tomar um belo copo de água, pois mesmo quando há uma leve desidratação, nosso corpo já fica com o humor afetado, com dificuldades de produzir pensamento crítico e com baixos níveis de energia.

Comente agora

Menino de 14 anos de idade se arrepende de ter “mudado de sexo”

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 13/09 00:22h
Menino de 14 anos de idade se arrepende de ter “mudado de sexo”

O australiano Patrick Mitchel tinha apenas 12 anos de idade quando foi diagnosticado que sofria de “disforia de gênero”. Com autorização da família, começou um processo de “mudança de sexo”. Contudo, dois anos após a cirurgia que o transformou em uma “menina”, ele diz estar arrependido e que ainda se sentia membro do sexo masculino. Desde então ele vem fazendo um doloroso processo para voltar ao sexo com que nasceu, incluindo tratamentos cirúrgicos. “Desde quando ele era mais jovem, vestia roupa feminina”, justifica Alison, a mãe de Patrick. Seu filho começou a tomar hormônios de estrogênio, que lhe ajudou a desenvolver seios e deixou o cabelo crescer. Em entrevista ao programa 60 minutes, Mitchell, que hoje tem 14 anos explica que ser menina não é como ele pensava. Por isso, optou pela “destransição”. Alison admite que o filho já não demonstra mais a antiga confusão a respeito de sua identidade sexual. Ela reclama que os médicos foram “precipitados” ao darem o diagnóstico de disforia de gênero quando ele tinha apenas 12 anos.

Comente agora

Depressão: aprenda a reconhecer os sintomas e a lidar com a doença

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 12/09 14:36h
Depressão: aprenda a reconhecer os sintomas e a lidar com a doença

Desde 2014, é realizado no Brasil o Setembro Amarelo – campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio. O objetivo de alarmar sobre o tema é gerar consciência do alcance da depressão e a importância de se procurar ajuda. Segundo a pesquisa realizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil se apresenta como um dos países com os casos mais graves relacionados aos transtornos depressivos e é o oitavo com o maior número de suicídios. Para explicar os sintomas da doença que afeta 350 milhões de pessoas no mundo, a psicóloga do São Cristóvão Saúde, Aline Melo aborda as principais dúvidas sobre o assunto. “A depressão é uma doença que pode ser desencadeada pela junção de diversos fatores genéticos e ambientais. O seu início pode ocorrer devido a situações traumáticas, como mortes, perdas, diagnóstico de alguma doença, acidentes, entre outras, além de alterações relacionadas à tireoide ou uso de drogas lícitas ou ilícitas”, explica a psicóloga do São Cristóvão Saúde, Aline Melo.

Comente agora

Crise econômica, desemprego e preconceito aumentam o risco de suicídio, diz Ipea

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 11/09 16:25h
Crise econômica, desemprego e preconceito aumentam o risco de suicídio, diz Ipea

A cada 40 segundos, um suicídio ocorre no mundo. Ao todo, são 800 mil registros anuais, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). Embora tenha forte componente individual, determinantes sociais - como questões econômicas - também têm influência em diversos casos investigados. Episódios de suicídio são registrados em todos os países, mas segundo dados da OMS, 75% dos episódios ocorreram em nações de baixa e média renda em 2012. Estudo do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea) sobre austeridade e saúdediagnosticou, a partir da análise de diferentes estudos, que as crises econômicas e o consequente aumento do desemprego aumentam o risco de suicídio e de mortes decorrentes do abuso de álcool. Falta de esperança, dificuldades de se enquadrar no ambiente social e econômico são problemas apontados pela autora da análise e especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental, Fabiola Sulpino Vieira.

Comente agora

Setembro amarelo: veja os sinais de alerta de suicídio e como prevenir

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 09/09 15:29h
Setembro amarelo: veja os sinais de alerta de suicídio e como prevenir

Neste  Setembro Amarelo , mês de Conscientização e Prevenção do Suicídio, o Hospital Santa Mônica preparou algumas dicas sobre como ajudar as pessoas que estão com depressão e têm ideação suicida. Doutor Claudio Duarte, psiquiatra do Hospital Santa Mônica, dá algumas dicas abaixo:

• Por mais difícil que seja a situação, é preciso ter a certeza que pensamentos suicidas passam e que a pessoa ficará bem quanto antes buscar ajuda;

• Não ficar sozinho e procurar ajuda imediata;

• Ligar ou conversar com um amigo, com algum familiar ou com um líder religioso;

Comente agora

Brincar com filhos chega a queimar 460 kcal em 1h

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 09/09 11:15h
Brincar com filhos chega a queimar 460 kcal em 1h

Falta de tempo ou dinheiro para frequentar uma academia não precisa – e nem deve - ser sinônimo de sedentarismo, já que muitas tarefas simples do dia a dia são capazes de promover melhora na saúde e perda de peso.  Para ajudar a entender os benefícios de se movimentar com atividades comuns o site da British Heart Foundation elaborou uma ferramenta que permite fazer contas de queima de calorias, de acordo com a atividade, duração, idade e peso individuais. A instituição é a maior financiadora independente de pesquisas para saúde cardiovascular do Reino Unido e tem como objetivo ajudar na descoberta e no aprimoramento de tratamentos contra doenças cardíacas.  Confira abaixo na lista de tarefas cotidianas o quanto cada uma é capaz de queimar em calorias, baseado em uma pessoa de 30 anos de idade e 80 kg. A ferramenta pode ser acessada no site da fundação (em inglês) e permite a consulta de diversas atividades. Tarefas do dia a dia que queimam calorias em 1 hora: 

Brincar (correndo) com os filhos: gasto de 464 calorias
Brincar (sentado) com os filhos: perda de 176 calorias
Limpar o chão ou varrer tapete: gasto de 264 calorias

Comente agora

Estudo revela que somos o que pensamos que comemos

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 08/09 12:03h
Estudo revela que somos o que pensamos que comemos

Você já deve ter ouvido a expressão “somos o que comemos”. Ou seja, o que comemos se reflete tanto na nossa saúde como no nosso aspecto. Esta expressão pode não estar assim tão longe da realidade, mas um estudo vem ‘corrigi-la’ dizendo que, na verdade, somos o que pensamos que comemos.  Como? De acordo com a investigação, só de acreditar que comemos pouco ao café da manhã – mesmo que não seja o caso – faz com que comamos mais durante o dia.  Segundo o estudo realizado pela Universidade Sheffield Hallam, a memória de uma pequena refeição, e não os hormônios da fome, é o que nos faz ter fome e comer mais durante o dia. O que significa que as expectativas em relação a uma refeição podem influenciar a sensação de fome e a ingestão de calorias.  Portanto, não só somos resultado do que comemos, mas também do que acabamos de comer devido ao que pensamos que comemos.  

Comente agora

Segundo pesquisa, dinheiro traz felicidade sim

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 05/09 18:39h
Segundo pesquisa, dinheiro traz felicidade sim

O vendedor ambulante Jorge Luís, de 61 anos, tem saudade da época em que ganhava três salários mínimos mensais como auxiliar de serviços gerais, numa empresa prestadora de serviços para a Petrobrás. A perda do emprego e, consequentemente, da carteira assinada levou dele também direitos trabalhistas, benefícios e boa parte da renda familiar.  Hoje, vendendo picolés nas ruas do centro do Rio de Janeiro, ele ganha o suficiente para suas necessidades primárias, mas precisa da ajuda de parentes para o sustento da casa onde vive em Belford Roxo, na Baixada Fluminense.  "Naquela época nós éramos felizes e não sabíamos. Eu era mil vezes mais feliz do que hoje. Eu só consigo tirar meu sustento porque, graças a Deus, não pago aluguel e minha família me ajuda, todo mundo trabalha", contou Luís.  A máxima de que dinheiro não traz felicidade está equivocada, segundo dados da Sondagem do Bem-Estar apurados pela Fundação Getulio Vargas (FGV) e obtidos com exclusividade pelo Estadão/Broadcast. Quanto mais alta a renda do brasileiro, maior a pontuação no ranking de satisfação.  Os entrevistados que recebiam até R$ 1.200 por mês - a faixa de renda mais baixa da pesquisa - tiveram a menor média de felicidade, 7,58 pontos. Na faixa de renda mais alta, pessoas que recebiam R$ 10 mil ou mais mensais, o nível de satisfação subiu para 8,22 pontos.  "Quando você pensa em satisfação com a vida, você leva em conta vários aspectos, subjetivos e objetivos. A questão da renda é muito importante, é bastante tocada nas pesquisas de bem-estar no mundo inteiro.

Comente agora

Pressão por perfeição prejudica a saúde mental das meninas

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 05/09 10:49h
Pressão por perfeição prejudica a saúde mental das meninas

Carol Tomasulo, estudante, é uma jovem de 21 anos que está inserida no mundo digital tanto quanto a maioria das pessoas da sua idade. Porém, sua relação com as redes sociais não é tão amistosa quanto entre as demais jovens.  Há dois anos e meio ela faz terapia porque o uso das redes sociais estava desestabilizando sua saúde emocional. O motivo: ela se comparava a outras pessoas que via na internet e acreditava que sua vida não era tão boa quanto a dos outros.  “Soa ridículo você falar que excluiu seu Facebook porque a vida das pessoas parecia melhor do que a sua”, diz Carol ao explicar o motivo para não ter dividido essa sensação com ninguém. A ONG inglesa Girlguiding fez uma pesquisa com mais de mil meninas, entre 11 e 21 anos, e comprovou que a relação delas com o mundo virtual pode não ser tão amistosa quanto aparenta.

Comente agora

Valorizar características individuais das crianças ajuda no desenvolvimento infantil

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 04/09 16:01h
Valorizar características individuais das crianças ajuda no desenvolvimento infantil

Passar pelas fases de crescimento em uma sociedade onde o diferente muitas vezes é visto como inferior ou esquisito são missões desafiadoras para as famílias. Incentivar e estimular a individualidade, mostrando as vantagens de ser único, é essencial para a evolução dos pequenos e precisa ser trabalhado desde a primeira infância. Para Sarah Helena, psicóloga e membro do time de curadoria do PlayKids Explorer, clube de assinaturas de atividades educativas, antes de incentivar as características individuais, é preciso acolher todas elas dentro de casa. "A família precisa fortalecer os aspectos individuais no ambiente em que eles se sentem mais à vontade, dentro de casa”, explica Sarah. “Com esse estímulo positivo, a construção da identidade e da autoimagem são criadas desde cedo", conclui ela.

Comente agora

1 em cada 25 casais escolhe o nome dos filhos baseados em celebridades, revela estudo nacional

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 04/09 12:23h
1 em cada 25 casais escolhe o nome dos filhos baseados em celebridades, revela estudo nacional

A maioria das pessoas não pensa na importância que um nome carrega ou nos significados que possui e escolher o nome para um bebê não é uma tarefa tão simples quanto se pensa. A pesquisadora Carmem de Oliveira em sua tese 'Os nomes plantados nas árvores genealógicas', discute que desde o momento da concepção da criança, os pais já constroem por meio de seus desejos e expectativas uma rede simbólica que aparará o bebê psiquicamente. Por meio de um nome a criança é inscrita em uma família e nasce subjetivamente.

Como a escolha de nomes é feita no Brasil?

O Estudo sobre 'Escolha dos Nomes' foi desenvolvido pelo portal especialista em saúde feminina Trocando Fraldas com mais de 4.000 participantes de todo o país entre os dias 18 e 23 de agosto deste ano. Um questionário foi disponibilizado no site e os pais responderam de forma espontânea.  Foi constatado que 3 em 7 nomes são escolhidos pela mulher. Na região Nordeste, o percentual de decisão pelo nome da criança entre as mulheres é de 45%.

Comente agora

Crianças que lidam melhor com adversidade são menos vulneráveis, diz estudo

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 04/09 12:03h
Crianças que lidam melhor com adversidade são menos vulneráveis, diz estudo

Um estudo mostra que crianças que são mais resilientes, isto é, que são mais fortes diante das adversidades, são menos vulneráveis aos problemas ao redor e à violência. A pesquisa estuda 400 jovens de 12 a 18 anosna cidade de Delfinópolis (MG) e é realizada pelo neurologista Marco Antônio Arruda.  É avaliada no estudo a intervenção da violência nas funções executivas, que são as habilidades cognitivas necessárias para controlar e regular nossos pensamentos, emoções e ações. Os estudantes são avaliados por meio de atividades dentro da sala de aula, que estimam o seu desempenho escolar ao longo dos próximos anos. A partir das contatações, serão feitas intervenções junto aos pais e professores de adolescentes com disfunções, para reabilitar essas funções e retomar sua resiliência. 

Comente agora

Desigualdade de gênero no trabalho doméstico aumenta com casamento

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 29/08 18:00h
Desigualdade de gênero no trabalho doméstico aumenta com casamento

Enquanto os homens solteiros dedicam quase 13 horas semanais aos cuidados domésticos e passam a dedicar 12 quando casam, as mulheres deixam de trabalhar 19 horas em casa para trabalhar mais de 29 após o casamento. É o que mostra pesquisa coordenada pelo Núcleo de Estudos sobre Desigualdades e Relações de Gênero (Nuderg) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Os dados foram apresentados hoje (29), no Rio de Janeiro, durante o Seminário Internacional Gênero, Trabalho e Família no Brasil: Mudanças e Permanências nas Últimas Décadas. Segundo a coordenadora do Núcleo, Clara Araújo, o resultado medido em 2016 apresenta avanço em relação a 2003, quando a pesquisa foi feita pela primeira vez. Naquele ano, as mulheres casadas dedicavam 36 horas semanais aos trabalhos domésticos, enquanto os homens dedicavam pouco mais de 11 horas. “Estamos mostrando que a desigualdade era tão grande – o gap [lacuna] – entre a situação dos homens e das mulheres, voltado para a divisão sexual do trabalho e para essa compatibilização, que percebemos que há impacto e avanço, mas continua sendo bastante desequilibrado”.

Comente agora

7,3% dos menores de 5 anos estão acima do peso, diz pesquisa

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 28/08 14:04h
7,3% dos menores de 5 anos estão acima do peso, diz pesquisa

Aobesidade e o sobrepeso vem aumentando no Brasil com uma tendência de crescimento entre as crianças. Estima-se que 7,3% dos menores de cinco anos estão acima do peso, sendo as meninas as mais afetadas de acordo com o “Panorama da Segurança Alimentar e Nutricional na América Latina e Caribe”, da FAO e Opas. São vários os fatores que geram obesidade infantil, desde a propensão genética, fatores alimentares, sedentarismo e doenças hormonais e metabólicas. As curvas de crescimento da Organização Mundial da Saúde são os instrumentos técnicos que medem, monitoram e avaliam o crescimento de crianças e adolescentes de 0 a 19 anos. Desnutrição, sobrepeso, obesidade e condições associadas ao crescimento e à nutrição da criança podem ser detectadas através destas curvas, que consideram os pontos de corte para sobrepeso e obesidade os percentis 85 e 97, respectivamente. “Como as crianças estão em fase de crescimento, não há um índice fixo para identificar os pontos de corte de sobrepeso e obesidade, como no caso dos adultos em que um IMC acima de 25 caracteriza a doença.

Comente agora

Jovem trans destaca importância da família no processo de reconhecimento de identidade

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 26/08 06:53h
Jovem trans destaca importância da família no processo de reconhecimento de identidade

É notório que o processo de descoberta de identidade de gênero para pessoas transexuais atravessa muitas dificuldades. A aceitação e o convívio nos ambientes sociais, de trabalho e, principalmente, no âmbito da família podem ser fundamentais para a pessoa que vive essa transformação, como foi o caso do jovem Gabriel Giffoni, de 25 anos. Em entrevista ao Bahia Notícias, ele conta que procurou primeiro seu irmão, amigos mais próximos e em seguida seus pais. "Houve relutância no começo, mas aí minha mãe veio e começou a conversar comigo: 'eu quero que você entenda que eu tenho meu tempo'. E eu tenho consciência de que não é fácil, ela teve uma filha por 24 anos, sei que é um processo, que ela tem que se adaptar, mas o ponto chave é a pessoa querer. A partir do momento que ela entendeu, ela começou a se abrir, eu comecei a mostrar que eu não estava sozinho. No começo, ela falou que ia sofrer muito com as mudanças, só que eu falei que era uma coisa gradativa", lembra Giffoni.  (BN)

Comente agora

Pastor Malafaia rebate padre: “Palavra de Deus está acima de tudo”; assista

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 25/08 00:36h
Pastor Malafaia rebate padre: “Palavra de Deus está acima de tudo”; assista

O bispo da Diocese de Palmares, em Pernambuco, Henrique Soares da Costa, causou polêmica nos últimos meses ao afirmar, durante um vídeo, que “o erro dos protestantes é colocar a Bíblia acima da igreja”. Na ocasião, Henrique disse que a Igreja Católica Apostólica Romana está acima da Bíblia por ter sido criada pela instituição ao longo dos anos. Mas Silas Malafaia, líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (Advec), discorda da proposição. Malafaia gravou um vídeo divulgado em seu canal nesta terça-feira (22) em que comenta o caso. “Como é que é padre, essa heresia? Como é que é? A igreja tá acima da Palavra? Aonde? Que papo é esse? A Palavra vem antes da Igreja”, afirmou. Em seguida, Malafaia leu o Salmo 138 versículo 2, além de outras duas passagens do Novo Testamento para embasar o seu posicionamento – de que a Bíblia surgiu antes da Igreja por meio de Jesus Cristo. “É por isso que vocês estão nesse caminho da banca rota. Vocês querem esconder a Palavra porque se o povo descobrir a Palavra vocês estão fritos. Vocês querem manipular a fé. A Palavra é o manual de regra e prática do verdadeiro cristão. Não é o que o pastor, padre ou papa fala é a Palavra”, afirmou. Ele continua. “Ela vem antes porque o próprio Jesus é a Palavra que se fez carne. Então queridão, por favor: Não fala uma heresia dessa não, porque o Antigo Testamento aponta pra Jesus. Jesus funda a Igreja, ele é antes da Igreja. E Jesus diz que é a Palavra. Você tem que examinar as escrituras, não é o que o pastor ou o padre fala”. “Que que isso. Vai falar asneira teológica lá sei aonde. Que Deus abençoe. Querido, eu não quero que ninguém acredite na minha palavra. A Palavra de Deus está acima de tudo e de todos. É ela que é a regra de fé e conduta do verdadeiro cristão”, finalizou.

Assista:

Comente agora

Erros cometidos pelos pais na hora de dar mesada

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 24/08 13:48h
Erros cometidos pelos pais na hora de dar mesada

A mesada é uma ótima ferramenta para inserir as crianças e jovens no universo financeiro. No entanto, há alguns erros cometidos pelos pais/responsáveis nessa hora que podem fazer com que o efeito seja contrário, dando exemplos ruins para a nova geração. Se bem aplicada, ao invés de ser um incentivo ao consumo, a mesada se torna um meio de educar financeiramente os jovens, que, em um futuro próximo, podem se tornar consumidores conscientes e sustentáveis. Com um cenário econômico instável e a proximidade do fim do ano (Natal e férias), o momento é extremamente propício para refletir e tratar sobre questões que envolvam a relação desse público com o uso do dinheiro. Para ajudar os pais e responsáveis nessa tarefa, o educador financeiro Reinaldo Domingos, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin) e da DSOP Educação Financeira, listou alguns dos principais erros na implementação da mesada.  Outros princípior podem ser encontrados no seu novo livro Mesada não é só dinheiro – Conheça os 8 tipos e construa um novo futuro (Editora DSOP).

Comente agora

Helena Tannure defende Ana Paula Valadão: “Mulher de Deus”. Assista!

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 22/08 00:38h
Helena Tannure defende Ana Paula Valadão: “Mulher de Deus”. Assista!

A cantora Helena Tannure tornou-se conhecida depois de permanecer, por mais de dez anos, como integrante da formação clássica da banda mineira Diante do Trono. E, durante a conferência As Aparências Enganam, ocorrida na cidade de Americana, aproveitou para falar de sua relação com Valadão. A principal motivação que fez Tannure falar de Ana Paula Valadão, ali, foi para estabelecer sua tese acerca de estigmas, estereótipos e visões superficiais que seres humanos podem ter dos outros. “Muita gente acha que Ana Paula é rica. Não é. Todo dinheiro que ela ganhou, ela investiu em missões. As aparências enganam”, afirmou Tannure, que ainda usou-se de exemplos. Helena afirma que, mesmo no auge comercial do Diante do Trono, quando lançou Preciso de Ti em 2001, Ana Paula morava de aluguel e, tinha, perto da cama, “um caixote de frutas, que ela forrava com um paninho”. “Ela está bem vestida, tem uma voz que não te agrada porque é aguda demais e as pessoas falam: ‘Que menina nojenta, metida, chata’. Ela é uma mulher de Deus. Muito do que eu aprendi sobre o cristianismo foi olhando a vida da Ana”, contou. 

Assista abaixo:

Comente agora

Estudo aponta que pessoas entre 18 e 29 anos transam de duas a três vezes por semana

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 21/08 18:01h
Estudo aponta que pessoas entre 18 e 29 anos transam de duas a três vezes por semana

Embora não exista uma "quantidade ideal" de relações sexuais que uma pessoa tem ou deve ter é comum se levantarem questões sobre o assunto. Diante disso, mais um estudo foi feito para apontar qual a frequência com que os adultos transam. Segundo o Kinsey Institute, da Universidade de Indiana, a maior frequência está entre pessoas de 18 a 29 anos. Elas praticam sexo, em média, 112 vezes ao ano, o que equivale a cerca de duas a três relações por semana. Entre pessoas de 30 a 39 anos, a frequência já é de 86 vezes por ano, ou seja, uma média de uma a duas vezes por semana. O número é menor para pessoas entre 40 e 49 anos. Nesse grupo, a frequência é de 69 vezes ao ano, pouco mais de uma vez por semana. Segundo informações do UOL, a pesquisa apurou fatores como idade, estado civil, condições físicas e de saúde.

Comente agora

Com crise, exterior vira opção definitiva de moradia para brasileiros

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 20/08 09:43h
Com crise, exterior vira opção definitiva de moradia para brasileiros

Quem resolveu deixar o Brasil por causa da crise não pensa em voltar, e o número de famílias que sai para outros países continua crescendo. Os vistos de imigrante concedidos pelo governo norte-americano a brasileiros somaram 3.287 no ano passado. É o dobro do registrado em 2014. "Não tem um mês em que a gente não converse com outras pessoas que querem saber o passo a passo para vir para cá", diz a empresária Vivian Mayrink Cirillo, que se mudou com o marido e os três filhos para a cidade de Weston, na Flórida (EUA), há dois anos e meio. "A fase de transição já passou, e a ideia de voltar vai ficando cada vez mais longe", diz ela, que mantém sua empresa de gestão de marcas no Brasil. O economista português Vasco Severo, que voltou para Lisboa depois de quatro anos no Brasil, também não pensa em retornar. "Quando cheguei ao Brasil, era muito contatado por portugueses que queriam ir para aí. Agora são os brasileiros que me escrevem a querer vir para cá", afirma. "O Brasil saiu do radar dos jovens qualificados que buscam trabalho", afirma o economista.

Comente agora

Pastor revela que Neymar continua dando dízimo

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 19/08 01:43h
Pastor revela que Neymar continua dando dízimo

O jogador do Paris Saint-Germain, Neymar, mantém suas ligações com a Igreja Batista Peniel à distância. O templo, cuja sede é no município de São Vicente, no litoral do estado de São Paulo, recebe o atleta desde os seus oito anos de idade. No entanto, Neymar tem enfrentado dificuldades de localização para se manter presente. Desde o ano de 2013, quando se transferiu para o Barcelona, sua presença e o contato com o pastor Newton Lobato, o presidente, tornaram-se raras. Mas, de acordo com informações divulgadas pela revista Placar, o jogador de 25 anos ainda se mantém presente por meio de ligações telefônicas, mensagens pelo WhatsApp e pelos dízimos e ofertas, contribuições de caráter financeiro. Em entrevista a revista esportiva, Newton Lobato afirma que a família e o jogador ainda possuem uma proximidade considerável, apesar das dificuldades de presença do atleta brasileiro. O líder, que se considera um ‘mentor espiritual’ e amigo de Neymar, acredita que sua distância dificultou sua caminhada na fé cristã, o que inclui as festas, noitadas e, principalmente, as polêmicas com relação ao fisco na Espanha. Durante a conversa, Newton não aceitou ser fotografado e não contou o valor – em espécie – que Neymar contribui em dízimo. A revista Veja, no entanto, estima que se a porcentagem de 10% seja respeitada, o valor dado pelo jogador por ano ultrapassa 20 milhões de reais. Em 2010, em entrevista dada ao Estado de S. Paulo, Neymar chegou a falar sua visão acerca do dízimo e garantiu, na época – o jogador ganhava 400 mil – que a porção de 10% era entregue como fez quando ganhava menos de um salário mínimo. “Para Deus, nada dói. E acho legal. A gente conhece bem o pastor da Peniel. Faz dez anos que estou lá e agora estão ampliando a igreja. Acho que se a gente acreditar em Deus, as coisas vêm naturalmente. Deus me deu tudo: dom, sucesso…”, disse.

Comente agora

5 atitudes que fazem do trabalho um inimigo da dieta

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 18/08 15:15h
5 atitudes que fazem do trabalho um inimigo da dieta

Está tentando manter uma dieta saudável ou fazendo regime, mas parece que durante os dias de trabalho isso é mais difícil? Não é só impressão sua, o trabalho tende mesmo a ter algumas armadilhas que podem prejudicar a sua dieta. Para contrariá-las é preciso antes de mais aprender a reconhecê-las e depois ter muita força de vontade e organização, para ter sempre opções saudáveis consigo que o impeça de cair nas armadilhas. A revista Boa Forma destacou as cinco coisas que podem fazer do trabalho um inimigo da dieta: Horários. Trabalhar por turnos, como vários estudos já provaram, é um grande inimigo da saúde e da ‘linha’. E mesmo que não trabalhe por turnos, há outros hábitos ligados ao horário laboral que podem arruinar a sua dieta. Por exemplo, ‘pular’ o café da manhã para tentar chegar mais cedo ou passar muitas horas sem comer para evitar sair mais tarde.

Comente agora

Menstruação precoce pode prejudicar tempo dedicado ao estudo, indica pesquisa

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 17/08 13:42h
Menstruação precoce pode prejudicar tempo dedicado ao estudo, indica pesquisa

Uma relação entre a primeira menstruação e o tempo dedicado aos estudos foi analisada por pesquisadores do Imperial College de Londres, no Reno Unido. A equipe analisou dados de mais de 180 mil mulheres europeias e detectou que aquelas que têm a menarca cedo demais, em torno dos nove anos, tendem a passar menos tempo estudando. Segundo informações do blog Doutor Jairo, do UOL, os pesquisadores perceberam que se adiassem a menarca em um ano, seria possível garantir, em média, 53 dias a mais de educação na vida das garotas. Para concluir a pesquisa, eles analisaram fatores como status socioeconômico e nível de educação do país em que as participantes viviam. Nas mulheres, a puberdade se caracteriza pelo aparecimento de mamas ou pelos pubianos aos oito anos de idade, o que pode ser causado por histórico de tumores e meningite, exposição precoce a hormônios, obesidade e outros fatores.

Comente agora

Por que você deveria parar de usar emojis em e-mails de trabalho

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 15/08 21:58h
Por que você deveria parar de usar emojis em e-mails de trabalho

Usar uma carinha feliz em e-mails de trabalho para parecer mais simpático pode provocar um efeito indesejado, sugere um estudo divulgado recentemente na revista Social Psychological and Personality Science. A pesquisa descobriu que emojis (figurinhas usadas para representar emoções, ações ou objetos) como os smileys (rostos sorridentes, como “:)”) dão a impressão de que a pessoa que escreveu o e-mail é pouco competente. Embora sorrisos em uma conversa cara a cara comuniquem segurança e empatia, os pesquisadores descobriram que as carinhas felizes em um texto digital que deveria ser formal poderia tornar o leitor menos propenso a compartilhar informações em sua resposta.  “Nossas descobertas fornecem as primeiras evidências de que, ao contrário dos sorrisos reais, smileys aumentam apenas marginalmente as percepções de simpatia e, mais do que isso, diminuem as percepções de competência”, afirma em comunicado uma das autoras do estudo, Ella Glikson, da Universidade de Ben-Gurion do Neguev. “Em e-mails de negócios formais, um smiley não é um sorriso.”  A pesquisa consistiu em três experimentos, que foram realizados com 549 pessoas de 29 países. No primeiro, os participantes tiveram de ler um e-mail de trabalho anônimo e depois avaliar a pessoa que eles imaginavam ter mandado a mensagem com base em sua competência. Em geral, as mensagens sem smileys receberam mais avaliações positivas e levaram os participantes a acreditar que o remetente era mais competente do que os mesmos e-mails com as figurinhas. 

Comente agora

Pároco de SAJ sobre o preconceito aos homossexuais retruca: “De que adianta ser um casal hétero e não ter respeito um com outro?”

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 15/08 21:18h
Pároco de SAJ sobre o preconceito aos homossexuais retruca: “De que adianta ser um casal hétero e não ter respeito um com outro?”

O Voz da Bahia entrevistou através do programa “Meio-Dia e Meia com Marcus Augusto”, o padre Edson Carvalho, pároco da paróquia do São Benedito em Santo Antônio de Jesus que conversou desde a vida de um padre a assuntos polêmicos.

Celibato: Alguns questionam sobre a tradição do celibato clerical, onde afirmam que esta tradição um dia cairá por terra, no entanto, para o padre, esta condição de disciplina que continuará. Em definição, o Sacerdotalis Celibatos é uma encíclica do Papa Paulo VI, de 24 de junho de 1967, sobre o celibato dos sacerdotes na Igreja Católica, entretanto, não é apenas uma condição da igreja católica, diversas religiões aderem a este tipo de tradição, “ela continuará, no entanto, ela tem uma liberdade muito grande. A questão da sexualidade é muito abrangente, uma pessoa pode ser celibatária sem ser padre. Isso é mais uma questão de vocação, nem todos gostaria de ser padre. Eu penso que a igreja possa oferecer essa possibilidade para o padre que queira casar, mas também a opção para os que querem ser celibatos”, declarou.

Casamento homossexual:

Comente agora

Saiba porque ter um cachorro faz bem para a sua saúde

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 15/08 20:43h
Saiba porque ter um cachorro faz bem para a sua saúde

Ser dono de um cachorro pode lhe tornar uma pessoa mais saudável. De acordo com um novo estudo, publicado no periódico científico Journal of Epidemiology and Community Health, pessoas que passeiam com cachorros são menos sedentárias – o que leva a crer que cuidar do animal de estimação as torna mais ativas.Pesquisadores da Universidade de East Anglia e da Universidade de Cambridge analisaram os hábitos cotidianos de 3.123 britânicos, entre 49 e 91 anos de idade, que fizeram parte de uma pesquisa. Cerca de 20% dos participantes tinham um cachorro em casa. Entre eles, cerca de 65% costumavam passear com o animal.

Mesmo em dias ruins: Os cientistas descobriram que aqueles que não tinham um cachorro eram mais sedentários durante o dia do que as que passeavam com os seus cães – cerca de 30 minutos mais.

Comente agora

Noivo faz piada em cerimônia: 'Você caiu no gemidão dos votos de casamento'

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 15/08 20:28h
Noivo faz piada em cerimônia: 'Você caiu no gemidão dos votos de casamento'

O publicitário carioca Guilherme Baptista decidiu adotar justo em seu casamento um meme das redes sociais que costuma provocar constrangimento. Ao subir no altar para trocar alianças com sua noiva, Danielle Rodrigues, ele substituiu as palavras de amor pelo "gemidão do WhatsApp", áudio que circula no aplicativo e costuma enganar as pessoas que o recebem. Em vez de ouvir algo importante, o destinatário da mensagem se depara com o gemido de um vídeo de pornografia."Eu pensei no que eu ia fazer e acabei preparando um textinho, que eu vou dar uma palhinha. Danielle, eu queria dizer que...", disse Guilherme antes de apertar o 'play' e fazer todos os convidados ouvirem o gemido em alto e bom som. "Eu queria dizer que você caiu no gemidão dos votos de casamento", completou o noivo em meio os risos dos convidados.

Assista ao vídeo abaixo:

Comente agora

Buscas por 'feminismo' no Google cresceram 217% em 2017

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 14/08 18:29h
Buscas por 'feminismo' no Google cresceram 217% em 2017

Na quinta feira (10), O Google apresentou uma pesquisa com dados sobre tendências e comportamentos a partir de buscas realizadas no site. De acordo com a Google Fashion Trends, como foi intitulada a pesquisa, o termo "feminismo" teve um aumento de 217% em seu volume de buscas, enquanto "machismo" apresentou 161% de crescimento e "racismo" 107%.   Segundo o relatório, produtos relacionados a gênero, identidade e representatividade teve um aumento de interesse do público. As buscas por sapatos de salto baixo, por exemplo, foram 92% maiores que as por salto alto. A busca por "cabelo raspado" cresceram 462% e "saia masculina" 121%. "Maquiagem masculina" teve um aumento na busca de 317%. Os dados, de acordo com o site da revista Cláudia, se encaixam em outras tendências de popularização do feminismo, como o crescimento de 11% no número de denúncias de violência contra a mulher entre 2015 e 2017.

Comente agora

O que é transexualidade? Psicóloga especializada em sexualidade explica

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 11/08 14:38h
O que é transexualidade? Psicóloga especializada em sexualidade explica

Em “A Força do Querer”, a personagem Ivana, interpretada pela atriz Carol Duarte, está passando por momentos decisivos para descobrir sua verdadeira identidade de gênero. Acompanhada por uma psicóloga, a personagem irá perceber que, além de homem trans, ela também pode ser homossexual. Segundo a sexóloga e psicóloga especializada em sexualidade humana, Priscila Junqueira, a identidade de gênero, diferente da orientação sexual, é o ato de se sentir pertencente à outra identificação, diferente da biológica, ou seja, uma criança pode nascer menina e se identificar com o feminino, ou não. Ou pode nascer um menino, e pode se identificar ou não com o masculino. Apesar de parecer simples na teoria, a condição de ser “trans” é muito mais complexa na prática. Além de acarretarem problemas como a não aceitação na sociedade, problemas na hora de conseguir um emprego, conquistar a mudança de sexo e o nome social, existem outros obstáculos ainda mais graves que influenciam o fator psicológico.

Comente agora

Bispo que chamou homossexualidade de “dom de Deus” se explica

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 11/08 01:17h
Bispo que chamou homossexualidade de “dom de Deus” se explica

O bispo diocesano de Caicó, no Rio Grande do Norte, Antônio Carlos Cruz Santos, decidiu explicar sua fala dada no último dia 30 de julho, quando afirmou, durante uma missa, que a homossexualidade “é um dom de Deus” e causou polêmica. Ele disse: “Minha intenção é de salvar vidas, contribuindo para que possamos superar os preconceitos que matam”, disse o padre que, ainda, afirmou que não agiu de má fé e seguiu as orientações do Vaticano sobre a temática. De acordo com informações divulgadas pelo G1, a declaração do bispo surgiu por conta do alto índice de suicídios na região de Seridó, município do Rio Grande do Norte. Antônio afirma que a maioria dos desabafos que ouve são neste sentido. “Dentro do contexto, abordei o tema dos irmãos e irmãs com orientação homoafetiva, procurando enxergá-los de uma forma evangélica, por isso me dirigi aos que sofrem por causa desta condição”, disse. “Em geral, a orientação sexual não é uma opção, pois em determinado momento da vida a pessoa se descobre com esta ou aquela tendência. Opção é a forma como a pessoa viverá essa orientação”, acrescentou. Antônio Carlos ainda reitera que seguiu orientações da instituição e do Papa Francisco. “(…) Como o Papa Francisco já nos pediu bastante vezes, as pessoas já sabem de cor a doutrina da Igreja sobre aborto, divórcio e atos homossexuais”, diz.

Comente agora

9 dicas de como se comportar no ambiente de trabalho

Comportamento  Postado por Willyam Reis - 10/08 13:59h
9 dicas de como se comportar no ambiente de trabalho

Écomum as pessoas tratarem desprezo o tema etiqueta empresarial, não tendo a real noção da importância que os profissionais de uma empresa possuam esse tipo de etiqueta. Assim, o impacto da implantação desse tipo de ação é fundamental para a manutenção e o crescimento de uma empresa. Contudo, é ele que, muitas vezes, explica porque pessoas altamente profissionais e competentes no que fazem acabam sendo demitidas de suas empresas e outras – nem tão competentes assim - permanecem, atingindo promoções e melhores oportunidades de carreira. Logo, podemos concluir que competência técnica não é tudo e que aquelas pessoas que não têm uma boa habilidade para criar relacionamentos, ou seja, etiqueta no convívio, acabam tendo menores chances de sucesso.

Comente agora

Estudo explica por que algumas pessoas preferem dormir acompanhadas

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 09/08 21:49h
Estudo explica por que algumas pessoas preferem dormir acompanhadas

Há quem reclame do ronco do parceiro. Já outros não conseguem dormir bem sem ter alguém amado do lado. Por conta disso, um estudo da Universidade de Pittsburgh, Pensilvânia (EUA) resolveu investigar como a presença de um companheiro pode influenciar no sono do outro.  Para isso, os pesquisadores acompanharam os padrões de sono de 15 casais heterossexuais, e observaram variações como tempo e qualidade do sono.  Os mais beneficiados com a companhia foram homens jovens, que dormiram mais e acordaram mais tarde quando estavam ao lado da parceira. Já entre as mulheres, não foi encontrado nenhum benefício na qualidade e duração do sono. No entanto, todos os participantes do estudo manifestaram uma percepção de que dormiam melhor quanto estavam ao lado do parceiro. Segundo os pesquisadores, essa sensação de melhora acontece por conta do sentimento de amor e confiança compartilhado entre casais. 

Comente agora

Suposto áudio de cantora gospel ‘implorando’ por drogas vaza na web; ouça

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 08/08 23:58h
Suposto áudio de cantora gospel ‘implorando’ por drogas vaza na web; ouça

Um áudio divulgado no Facebook, nesta terça-feira (8), tem agitado o mundo gospel por supostamente estar ligado à cantora gospel Daniela Araújo. No registro, ela estaria discutindo com o Victor Romanini - que afirma ser seu namorado -, por ter escondido um pacote de droga para que a artista não usasse. Na rede social, ele admitiu ser o homem do material e, em texto, explicou o motivo de ter divulgado a situação. "Chega de enganos... o dinheiro dos dízimos e das ofertas não podem ir para droga e ainda mais pra quem está fazendo isso sobre o púlpito. Eu fiz de tudo para ajudar", iniciou. Em outro momento, ele diz que pode até estragar a carreira da artista, mas "prefiro uma Daniela fora do palco a uma na vida das drogas". Procurada pelo Bahia Notícias, a assessoria de Daniela não deu retorno até o fechamento da nota. Daniela Araújo foi casada com o cantor adventista Leonardo Gonçalves entre 2009 e 2015. (Informações BN e Informe Gospel)

Confira o texto e áudio:

Comente agora

Disney apresenta casal lésbico interracial em animação infantil

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 08/08 20:58h
Disney apresenta casal lésbico interracial em animação infantil

No último sábado, 5, um episódio de Doutora Brinquedos (Doc McStuffins, no título original), apresentou um casal de lésbicas interraciais como pais.  O episódio intitulado The Emergency Plan (‘Plano de Emergência’, em tradução livre) ensinava as crianças a se preparar em casos de terremotos, sem colocar a relação homossexual como algo incomum ou que merecesse o foco principal do enredo.  Doutora Brinquedos está em sua quarta temporada e vai ao ar nos Estados Unidos e no Brasil no canal Disney Channel.  “Eu sempre imagino o Doutora Brinquedos como algo que mostre o que é aceitar todos como parte de nossas comunidades. Eu sou parte de uma família de duas mães, então tenho orgulho de ter um episódio que reflita o mundo do meu filho”, afirmou a criadora do desenho, Chris Nee, em entrevista ao portal GLAAD.  Esta não é a primeira vez que a Disney dá indícios de que pretende introduzir a temática LGBT em seus filmes, séries e animações.  Em março deste ano, o episódio Just Friends (‘Apenas amigos’), da animação Star vs. as Forças do Mal mostrou o primeiro beijo gay em um desenho da produtora norte-americana. Além disso, em 2014, um episódio da série Boa Sorte, Charlie! também apresentou um casal de lésbicas. (Exame)

Comente agora

Silas Malafaia ensina como saber quem é falso pastor; assista

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 03/08 00:21h
Silas Malafaia ensina como saber quem é falso pastor; assista

O líder da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo (Advec), Silas Malafaia, promoveu uma videoconferência nesta terça-feira (1) em sua página no Facebook. Assistido por mais de 200 mil pessoas, o líder tratou o tema "Como você pode saber se alguém é um falso pastor?". Malafaia leu 2ª Coríntios capítulo 11 versículos 3 e 4 e, em seguida, os versículos 13 e 14. Após isso, o líder retornou ao tema de seu vídeo e respondeu: "É o que ele prega", disse. "Se alguém prega o que é contrário a Cristo, não é porque fala bonito, não porque é veemente". Depois disso, Malafaia usou um caso visto em suas mídias sociais para ilustrar seu argumento. "Um camarada que tá por aí nas redes sociais, um dia desses eu tava ouvindo o cara dizer assim: 'Porque eu já preguei pra 10 mil, pra 6 mil, pra 4 mil, pra 2 mil, pra mil, já preguei em Assembleias, em movimento neopentecostal, igrejas arminianas, calvinistas'." "Aí o cara diz assim: 'Congregações inteiras de joio. Congregações inteiras de bodes. Congregações inteiras de virgens loucas'.", completou. Em seguida, Malafaia criticou a fala do líder, classificando-a como uma "aberração teológica". "Não existe esse negócio de congregação inteira de joio", afirmou. "Existe só joio no meio do trigo. E é na colheita que será separado. […] Isso é uma heresia. Fala bonito, mas fala contra o que Jesus falou. Você fica com Jesus ou com bravata de pregador metido a mais santo que os outros, que acusa todo mundo?", questionou. "Vamos parar de ser trouxas em engolir o que todo mundo fala. Tudo o que você ouvir, inclusive de mim, faça três coisas: Duvidar, criticar e determinar. É não receber tudo de pronto", afirmou. "Qualquer palavra de qualquer pastor, seja eu ou qualquer um, submeta a esse livro aqui", disse, indicando a Bíblia.

Assista:

Comente agora

Bispo católico ensina que “homossexualismo é dom de Deus”

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 02/08 01:19h
Bispo católico ensina que “homossexualismo é dom de Deus”

No último domingo (30), o bispo de Caicó, Rio Grande do Norte, Dom Antônio Carlos Cruz Santos, proferiu um sermão que vem causando espanto e indignação dentro de vários segmentos da Igreja Católica. Abordando o tema da “homoafetivdade”, ele deturpa os ensinamentos tanto da Bíblia quanto do Catecismo da Igreja e afirma: “Na perspectiva da fé quando a gente olha pra homossexualidade, a gente não pode dizer que é opção. Opção é uma coisa que livremente você escolhe e orientação ninguém escolhe… Escolha vai ser a maneira como você vai viver a sua orientação… Se não é escolha, se não é doença, na perspectiva da fé, só pode ser um dom. É dado por Deus. Dom é isso: é dado por Deus”. Aos fieis, ele diz que as pessoas que não conseguem ver isso precisam se livrar de seus preconceitos. Repetindo um discurso cada vez mais comum nos movimentos de esquerda, ele pede que se vença esse preconceito contra as pessoas de “orientação homoafetiva” tal como se superou o existente contra os negros no período da escravidão. No último domingo (30), o bispo de Caicó, Rio Grande do Norte, Dom Antônio Carlos Cruz Santos, proferiu um sermão que vem causando espanto e indignação dentro de vários segmentos da Igreja Católica. Abordando o tema da “homoafetivdade”, ele deturpa os ensinamentos tanto da Bíblia quanto do Catecismo da Igreja e afirma: “Na perspectiva da fé quando a gente olha pra homossexualidade, a gente não pode dizer que é opção. Opção é uma coisa que livremente você escolhe e orientação ninguém escolhe… Escolha vai ser a maneira como você vai viver a sua orientação… Se não é escolha, se não é doença, na perspectiva da fé, só pode ser um dom. É dado por Deus. Dom é isso: é dado por Deus”.

Assista abaixo:

Comente agora

Você fala consigo mesma na 3ª pessoa? Isso pode aliviar o stress

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 01/08 18:07h
Você fala consigo mesma na 3ª pessoa? Isso pode aliviar o stress

Pode ser que você não queira admitir, mas, provavelmente, já se pegou dando conselhos, broncas ou incentivos a si mesma como se estivesse falando com outra pessoa, mas chamando-se pelo seu próprio nome como “A Julia não vai desistir” ou “A Julia consegue.”  Esse ato de falar consigo mesma, muitas vezes involuntário, virou tema de pesquisa entre psicólogos da Michigan State University e da University of Michigan, ambas nos EUA. E, para sua tranquilidade, foi constatado que um bate-papo na terceira pessoa ajuda você a lidar com situações complicadas – e nem precisa ser em voz alta. Em pensamento já conta.  Os pesquisadores resolveram transformar o estranho hábito em estudo, pois queriam achar um novo e simples método que as pessoas pudessem utilizar para se autoacalmarem diante de situações de stress momentâneo. Jason Moser, um dos autores do estudo, disse ao portal Yahoo Beauty que ele e seu colega Ethan Kross, PhD na University of Michigan já haviam notado que as pessoas costumam conversar consigo mesmas na terceira pessoa e citou o exemplo do jogador de basquete LeBron James que, ao deixar o time Cleveland Cavaliers, ele alegou ser uma decisão emocional, partiu com o seguinte comunicado: “Quero fazer o que é melhor ao LeBron James e o que faz LeBron James feliz.” 

Comente agora

Salvador está entre as 10 cidades que mais usam site para traição no mundo

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 01/08 12:03h
Salvador está entre as 10 cidades que mais usam site para traição no mundo

O site Ashley Madison,  conhecido por viabilizar traições, preservando identidades,  tem sido bastante acessado em Salvador. De acordo com um levantamento, a capital baiana está entre as dez cidades que mais utilizam o serviço em todo o planeta. Os dados foram analisados entre janeiro e junho. Salvador ocupa a 10ª colocação.   Outras cinco cidades brasileiras aparecem no ranking. São Paulo e Rio de Janeiro estão em 1º e 2º lugares, respectivamente. Brasília aparece em 5º, Curitiba em 7º e Belo Horizonte em 9º. Neste ano, mais de 100 mil brasileiros se cadastraram no site. No mundo inteiro, são 54.280.000 pessoas.

Comente agora

“Deus não precisa do dinheiro do Kaká”, diz pastor da Renascer

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 31/07 23:58h
“Deus não precisa do dinheiro do Kaká”, diz pastor da Renascer

O pastor Roberto Pedroso, conhecido como Pastor Giraia, é membro da Igreja Renascer em Cristo, notória por suas crises nos últimos 10 anos que envolvem os seus principais líderes, Estevam e Sônia Hernandes. Em 2007, o casal foi preso nos Estados Unidos da América (EUA), por ingressar no país com dinheiro não declarado.  “Aquilo foi um erro. Estavam em onze pessoas e, em vez de dividirem o dinheiro, apenas uma pessoa o carregava. Eles confessaram, porque lá a situação piora se não se faz isso. Agora passou. Eles estão em São Paulo, e muito bem”, comentou Roberto em entrevista a Veja. De lá pra cá, a igreja viveu a diminuição de sua membresia como o ex-jogador Kaká, líderes importantes como o cantor Zé Bruno e a queda do teto de sua sede, em 2009. “Sobre o Kaká, não houve impacto. Ele é uma pessoa como qualquer outra. Só porque é jogador e estrela? Para! A gente não o via como um grande doador. Deus não precisa do dinheiro do Kaká”. Considerando os momentos difíceis passados pela instituição nos últimos anos, Roberto disse que se trata de águas passadas. “A gente tinha de viver isso. Foi um propósito. Seguimos firmes e fortes”. O líder também falou das contribuições das quais enxerga serem da Renascer. “Antes de o rock entrar na igreja, ele era do capeta. Nós tiramos o rock do capeta. Aleluia! Agora o rock é bênção. A maquiagem e o batom também eram do diabo, e a gente tomou dele”, disse. Roberto é conhecido por suas atividades com o MMA e por usá-las no exercício de pastor. “Deus tocou meu coração e me disse: através desse esporte, os jovens vão entrar na igreja e aprender o que Deus pode ser na vida deles. O MMA não é pecado, como muitos dizem, pelo fato de um bater no outro. Deus me falou isso”.

Comente agora

72% das mulheres brasileiras creem que propagandas são... machistas

Comportamento  Postado por Anacley Souza - 31/07 12:55h
72% das mulheres brasileiras creem que propagandas são... machistas

Um novo estudo feito pelo Instituo Geena Davis sobre gênero e mídia mostra que o mundo da propaganda também é um espaço de marginalização de mulheres. A organização sem fins lucrativos foi fundada pela atriz em 2004, e em parceria com a empresa de marketing J. Walter Thompson, realizou uma pesquisa para examinar como as mulheres são retratadas em diversos tipos de propagandas. O resultado não é promissor.  Intitulada “Unpacking Gender Bias in Advertising”, a pesquisa foi apresentada durante o festival internacional de criatividade de Cannes Lions, que premia e celebra iniciativas de comunicação. Depois de analisarem mais de 2000 propagandas dos arquivos do festival, os pesquisadores descobriram que as propagandas tem até duas vezes mais personagens homens do que mulheres.  Um quarto do conteúdo retrata apenas homens — em comparação, 5% de anúncios exibem apenas mulheres. Quando as personagens falam, a situação é ainda mais alarmante: em média, os homens recebem sete vezes mais papéis com fala do que as mulheres.

Comente agora

Fábio de Melo diz que celibato é “questão da idade média”. Assista

Comportamento  Postado por Redação Voz da Bahia - 29/07 23:47h
Fábio de Melo diz que celibato é “questão da idade média”. Assista

O cantor e padre Fábio de Melo participou do programa The Noite, apresentado pelo humorista Danilo Gentilli e exibido pelo Sistema Brasileiro de Televisão (SBT). Na ocasião, Fábio falou sobre vários temas – como a questão do celibato. “Seria interessante ordenar homens casados e o celibato como uma opção de entrega mais radical. O celibato foi uma questão da idade média, dos intelectuais, eles casavam com o conhecimento”, afirmou. Além do celibato, Melo foi abordado com a questão sexual. O padre falou sobre nudes de que já recebeu de pessoas. “Já recebi isso [nudes] também”, disse o líder. Fábio ainda falou sobre uma das pegadinhas mais famosas nas mídias sociais, vulgarmente conhecida como ‘gemidão do zap’: “O gemidão é famoso, mas nunca tive contato com ele”, disse. Com relação as mídias, o líder católico também falou sobre sua popularidade na internet e os memes produzidos pelos internautas. “Eu daria a administração do país às pessoas que criam. É impressionante”. Por fim, Fábio também falou sobre as pessoas que não se simpatizam com sua figura. “Tenho um respeito pela idiotice. Todo mundo tem o direito de ser quem é, inclusive idiota. Diplomacia é uma forma sofisticada de ser inteligente”. 

Assista a entrevista na íntegra:

Comente agora
Veja mais

As 5+ comentadas












Todos os direitos reservados a Marcus Augusto Macedo | vozdabahia@hotmail.com