Voz


PodCast



Enquete




Blog

Mundo

EUA: Debate entre Hillary e Trump tem provocações e interrupções
Mundo  Postado por Marcus Augusto Macedo - 27/09 01:55h

O primeiro debate entre os principais candidatos à Presidência americana teve interrupções abruptas e provocações enquanto Donald Trump e Hillary Clinton discutiam sobre economia, racismo, terrorismo e outros temas delicados. O formato livre das réplicas e tréplicas cronometradas, comuns nos debates brasileiros, deu liberdade para que o republicano Donald Trump interrompesse diversas vezes a democrata Hillary Clinton ao longo de pouco mais de uma hora e meia de embate. Menos sarcástico e mais agressivo, o republicano Donald Trump falou por mais tempo. A rede americana CNN computou 46 minutos do magnata ao microfone, enquanto a democrata Hillary Clinton falou por 41 minutos. Por outro lado, Hillary manteve a calma e não poupou críticas aos comentários do candidato que “vive sua própria realidade”. A democrata provocou Trump com acusações sobre suas empresas – ela lembrou que o empresário declarou falência e chegou a citar funcionários que teriam levado um ‘calote’ do magnata -, e afirmou que o rival tem histórico de comportamento racista e não tem temperamento adequado para ser presidente. Ainda no primeiro bloco, quando os candidatos debateram planos para expandir a economia americana, Hillary desafiou Trump a divulgar seu Imposto de Renda para provar que paga seus impostos e comprovar as transações de sua fundação. O republicano se comprometeu a divulgar seu Imposto de Renda assim que Hillary tornar públicos seus milhares de e-mails trocados por servidor privado enquanto ela era secretária de Estado. Em resposta, sem se exaltar, a democrata reconheceu o erro de recorrer a um servidor privado para discutir assuntos oficiais e afirmou que não faria novamente se tivesse outra chance.

Comente agora
Homem ressuscita após oração e aldeia inteira se converte
Mundo  Postado por Redação Voz da Bahia - 27/09 01:36h

Em uma aldeia remota no sudeste da Ásia, a morte de um líder consternou todos os moradores. Após os missionários evangélicos que estavam no local orarem e o homem ressuscitar, teve início um avivamento entre um povo antes não alcançado pelo evangelho. O pastor David Platt, presidente da Junta de Missões dos Batistas norte-americanas contou essa história durante uma conferência e chamou atenção dos líderes presentes para o agir de Deus de maneiras inesperadas. Platt afirma que ouviu esse relato de um missionário batista que vive na região. Um cristão que vive no sudeste asiático, levou alguns amigos com ele e começou a compartilhar sobre Jesus em uma aldeia “totalmente inalcançada pelo evangelho até eles terem chegado ali”. A recepção dos moradores foi positiva e eles logo começaram a estudar a Bíblia e muitos creram na mensagem. Logo, seguindo o padrão do Novo Testamento, começaram a trazer seus ídolos, colares e amuletos usados em sua religião pagã. Tudo isso foi queimado no centro da aldeia, conta Platt. Porém, dias depois alguns começaram a voltar às práticas antigas de paganismo. O motivo foi a morte do líder da aldeia, o que para alguns fora caudado pelos espíritos malignos que ficaram com raiva após veres a destruição dos “objetos sagrados”. Um grupo de cristãos locais foi até onde repousava o corpo do líder morto e começaram a orar, pedindo “que Deus demonstrasse sua misericórdia para os habitantes da aldeia e que Deus revelasse sua glória e seu amor para que todos pudessem ver”, enfatizou Platt. Algo inesperado aconteceu. Enquanto eles oravam, o homem tossiu uma vez. Todos que estavam presentes ficaram assustados. O homem voltou a tossir e voltou a respirar normalmente.

Comente agora
Cartas enviadas para “Deus” são entregues pelo correio de Israel
Mundo  Postado por Redação Voz da Bahia - 27/09 01:24h

Todos os anos, milhares de cartas são escritas para “Deus”, “Jesus”, “Nosso Querido Pai no Céu” e postas no correio. Também existe aquelas endereçadas para “Muro das Lamentações” e “Monte do Templo”. A maioria dessas correspondências não têm o endereço de remetente, são orações, pedidos ou simplesmente desabafos. Através de um acordo antigo, elas acabam na central de achados e perdidos dos correios de Israel. Porém, ao invés de serem destruídas por não terem dono, duas vezes por ano elas são colocadas entre as pedras do Muro das Lamentações. Quem faz isso é o Rabino Shmuel Rabinowitz, responsável pelo Muro das Lamentações e Lugares Santos. Ele recebe o material das mãos do diretor dos correios de Israel, Danny Goldstein. Além de pessoas que vivem em Israel, elas vêm de países como Rússia, China, França, Nigéria, Espanha, Países Baixos, EUA, Reino Unido e muitos outros. Geralmente a entrega é feita antes do Rosh Hashaná, o dia de Ano Novo judaico, este ano será em 3 de outubro, e na véspera do Natal. Cada uma das cartas é cuidadosamente inserida entre as pedras do Muro, chamado de Kotel pelos judeus. Seguindo a tradição, pedidos são colocados no local na esperança de que Deus irá ouvir e responder. Esta semana, o chefe dos correios entregou o primeiro lote de cartas deste ano. Nos dias que antecedem o Rosh Hashaná são chamados de período de “slichot” [perdão], quando os judeus de todo o mundo fazem reflexões sérias, orações de arrependimento e de louvor. O Kotel é hoje o mais próximo que a maioria das pessoas consegue chegar do lugar onde a presença física de Deus habitava nos tempos bíblicos, o Santo dos Santos, onde ficava a arca no Templo de Salomão. Para os correios, parecem natural que as cartas endereçadas a “Deus” acabem sendo entregues ali. Com informações de Breaking Israel News

Comente agora
Cidade no Canadá vota proibição de cães da raça pitbull
Mundo  Postado por Anacley Souza - 26/09 21:18h

Os vereadores de Montreal, no Canadá, devem votar nesta segunda-feira a proibição de cães da raça pitbull na cidade. Se aprovada, a lei municipal imporá regras rigorosas aos atuais proprietários de cachorros da raça, incluindo obrigatoriedade da castração do animal, além do pagamento de taxa de registro. A aprovação da lei, apoiada pelo prefeito da cidade, Denis Coderre, resultará na proibição de novos pitbulls nos dezenove bairros de Montreal. A taxa de registro por animal, segundo o projeto, seria de 150 dólares canadenses, equivalente a 370 reais. Cada residência poderia ter, no máximo, dois cachorros de raça considerada perigosa, com exceção feita a proprietários com uma licença especial. A Sociedade para a Prevenção de Crueldade com Animais (SPCA), agência de proteção animal da cidade, informou na semana passada que deixará de atuar na cidade caso a nova legislação seja aprovada. Segundo a agência, a lei pode resultar na morte de centenas de cães, uma vez que pessoas de baixa renda e moradores de rua não conseguiriam arcar com os encargos previstos no projeto de lei e abandonariam os animais. “Eventualmente, seríamos forçados a sacrificar centenas de cães saudáveis”, disse à rede CBC Benoit Tremblay, diretor executivo da SPCA. Em 2015, a cidade registrou 3.062 vítimas de mordidas de cachorros, sendo que 37% dos ataques foram cometidos por pitbulls.

Comente agora
Colômbia e Farc assinam acordo que encerra guerra de meio século
Mundo  Postado por Anacley Souza - 26/09 21:03h

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, e o líder guerrilheiro Rodrigo Londoño Echeverri, conhecido como Timochenko, assinaram o histórico acordo de paz entre o governo e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) em Cartagena nesta segunda-feira. A cerimônia que consolidou o acordo contou com mais de 2.500 convidados vestindo roupas brancas. Entre os presentes estavam quinze chefes de Estado, como o cubano Raúl Castro, anfitrião das conversações de paz, que também foram mediadas por Noruega, Venezuela e Chile; o chefe da diplomacia americana, John Kerry; o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon; o rei emérito da Espanha, Juan Carlos, e vários representantes de organismos internacionais. O ministro das Relações Exteriores brasileiro, José Serra, também participou da cerimônia. O acordo de paz, que ocorre após quatro anos de negociações na capital cubana Havana, põe fim a um conflito de 52 anos, considerado um dos mais antigos e sangrentos da América do Sul. A violência entre guerrilheiros, paramilitares e agentes do Estado deixou 260.000 mortos, 45.000 desaparecidos e 6,9 milhões de deslocados em meio século. O primeiro a assinar foi Timochenko, que utilizou um “balígrafo”, uma bala convertida em caneta, como sinal da evolução que a Colômbia terá em seu futuro. Ao terminar, ele levantou os braços e recebeu uma salva de aplausos.

Comente agora
Dezenas de pessoas ficam de costas para Hillary Clinton para tirar selfie e foto viraliza
Mundo  Postado por Anacley Souza - 26/09 20:21h

Dezenas de pessoas deram as costas para a candidata à presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton, durante evento de sua campanha em Orlando. Porém, a cena curiosa não representou nenhum tipo de protesto sobre as propostas da democrata. Pelo contrário: os apoiadores tentavam tirar uma selfie com Hillary. O registro foi feito pela fotógrafa que acompanha a candidata, Barbara Kinney, e viralizou nas redes sociais após ser compartilhada no Twitter. Ela já foi reproduzida mais de 20 mil vezes e virou alvo de publicações como a britância "The Guardian", a americana "New York Magazine" e a emissora CNN. O também britânico “The Telegraph” ironizou a situação: “Bem-vindo à geração selfie”.

Comente agora
Escolha seu destino e a Voe bem Turismo leva você e sua família
Mundo  Postado por Redação Voz da Bahia - 26/09 18:55h

Comente agora
União Europeia decide suspender as Farc de lista de terrorismo
Mundo  Postado por Débora Ayane - 26/09 16:43h

A União Europeia decidiu suspender a guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc )de sua lista de organizações terroristas, anunciou nesta segunda-feira (26) a chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini, horas antes da assinatura dos acordos de paz na Colômbia.O governo colombiano e as Farc assinam na tarde desta segunda-feira o histórico acordo de paz que foi anunciado em 24 de agosto, após quase quatro anos de negociações em Cuba. A cerimônia contará com a presença de chefes de Estado da região, assim como o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, e o secretário de Estado americano, John Kerry.

Comente agora
Líder socialista nega renúncia após nova derrota na Espanha
Mundo  Postado por Débora Ayane - 26/09 15:52h

Após mais uma derrota histórica do Partido Socialista Operário Espanhol (Psoe), o secretário da legenda, Pedro Sánchez, garantiu nesta segunda-feira (26) que não renunciará ao cargo e que tentará renovar seu mandato nas primárias que devem ocorrer em 23 de outubro. Sánchez, 44 anos, vem sendo duramente criticado por ter levado o Psoe ao pior momento de sua história, com uma sequência de derrotas que ameaçam o futuro do partido como líder da esquerda na Espanha. "A marca Psoe parece sempre mais difícil de ser consertada frente à implacável sucessão de derrotas históricas.

Comente agora
'Humanos terão que sair da Terra para sobreviver', afirma Hawking
Mundo  Postado por Willyam Reis - 26/09 07:13h

Um dos mais famosos físicos do mundo, o britânico Stephen Hawking, afirmou, sexta-feira (25), em entrevista ao jornal espanhol El País que a sobrevivência da raça humana "vai depender da capacidade de encontrarmos novos lugares do Universo". "O risco de que um desastre destrua a Terra é cada vez maior. Então, eu gostaria de despertar o interesse do público pelos voos espaciais . Eu aprendi a não olhar para o futuro distante e a me concentrar no presente. Ainda há muito mais coisas que eu quero fazer", concluiu o cientista ao ser perguntado sobre o destino da raça humana. Ao ser questionado o que seriam as coisas que gostaria de fazer, disse: "Viajar ao espaço com a Virgin Galactic (empresa de turismo espacial)". O cientista está em Tenerife, nas Ilhas Canárias, para o festival científico Starmus. (Noticias ao Minuto)

Comente agora
Capitão joga refugiados cristãos ao mar para que parassem de orar
Mundo  Postado por Redação Voz da Bahia - 26/09 00:44h

O capitão de um barco de refugiados está sendo julgado por ter jogado ao mar seis refugiados cristãos, o que resultou na morte deles. O motivo, segundo testemunhas, é que os homens que atravessavam do Marrocos para Espanha, oravam a Deus para que a forte tempestade parasse. De acordo com Christian Today, o capitão Alain NB, do Camarões, pode pegar até 90 anos de prisão pelo assassinato dos refugiados nigerianos. A justiça da Espanha pede a condenação de 15 anos para cada um dos mortos. O processo indica que o barco pilotado por Alain, que seria muçulmano, estava tendo dificuldades de atravessar o mar. Os seis refugiados cristãos começaram então a orar em voz alta, pedindo a intervenção de Deus. Um deles seria um pastor e liderou o grupo na intercessão. O capitão os acusou de piorar a tempestade com suas orações. Juntamente com outros tripulantes, agrediu os homens antes de jogá-los ao mar, onde se afogaram. Até agora penas um corpo foi encontrado na costa de Granada. Alain NB nega todas as acusações, em especial que o conflito tenha motivação religiosa. Seu advogado afirma que depoimentos de testemunhas são “inconsistentes”. Os promotores, no entanto, alegam que o capitão “estava ciente de que as vítimas não poderiam sobreviver e que iriam morrer, seja por afogamento, frio, ou por causa das lesões físicas que sofreram. Ele estava ciente da baixa temperatura, do mar revolto e a grande distância que estavam da costa, além da ausência de qualquer barco nas proximidades, que poderia resgatá-los”.

Comente agora
Tiroteio deixa quatro feridos na Suécia
Mundo  Postado por Débora Ayane - 25/09 17:25h

Um tiroteio em Malmo, na Suécia, deixou pelo menos quatro pessoas feridas no início da noite deste domingo (25). De acordo com o Jornal Extra, os tiros foram disparados por um homem que passava de carro em frente ao estádio, após a partida entre Malmo FF e Helsingborgs IF. Testemunhas que presenciaram o caso disseram ter escutado pelo menos 20 disparos. No bairro de Heleneholm, um bomba teria explodido logo após o tiroteio. Segundo a polícia, um dos baleados foi ferido com um tiro na cabeça. Todos foram encaminhados para hospitais da cidade.

Comente agora
Ban Ki-Moon: conflito em Aleppo é o mais intenso de toda a guerra
Mundo  Postado por Débora Ayane - 25/09 17:13h

O combate atual em Aleppo é o mais intenso em mais de cinco anos do conflito civil na Síria. Quem afirma é o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon. "Estou indignado com a escalada militar em Aleppo, que enfrenta as batalhas mais prolongados e intensas em todo o conflito na Síria", disse Ban Ki-moon. Ele condenou particularmente o uso de bombas incendiárias durante os combates. "O direito internacional estabelece claramente: o uso sistemático de tais armas em áreas densamente povoadas é um crime de guerra", afirmou o secretário-geral da ONU. "Peço para todas as partes envolvidas no conflito para trabalhar mais, para acabar com este pesadelo", frisou Ki-Moon. Anteriormente, o comando do exército sírio anunciou o início das operações militares no leste de Aleppo, região capturada pelos terroristas. O comando apelou a todos os civis para não se aproximar dos locais de acúmulo de militantes e seus postos de comando. (SputnikBrasil)

Comente agora
ONU diz que 139 pessoas morreram em série de ataques em Aleppo
Mundo  Postado por Débora Ayane - 25/09 14:56h

A Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou neste domingo (25) que pelo menos 139 pessoas morreram nos últimos dias devido aos ataques na parte leste de Aleppo, no norte da Síria, que vive a "pior semana" nos seis anos do conflito armado que abala o país."São dias apavorantes. Não há nada que justifique o que está ocorrendo diante dos nossos olhos", afirmou o enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, em discurso realizado durante uma reunião de emergência do Conselho de Segurança.Segundo ele, além das 139 vítimas dos ataques registrados no leste de Aleppo, a área mais atingida, outras 74 pessoas morreram na zona rural próxima da cidade, o que eleva o total para 213 mortos.

Comente agora
Hillary Clinton tem 46% das intenções de voto e Donald Trump 44%, diz jornal
Mundo  Postado por Débora Ayane - 25/09 13:43h

Pesquisa divulgada hoje pelo jornal The Washington Post mostra Hillary Clinton, do Partido Democrata, com 46% das intenções de voto e Donald Trump, do Partido Republicano, com 44%. A pesquisa traz também outros dois candidatos, Gary Johnson, do Partido Libertário, com 5% e Jill Stein, do Partido Verde, com 1%. Ao considerar somente os eleitores registrados, Hillary Clinton e Donald Trump estão empatados com 41%, Johnson tem 7% e Stein com 2%. Em uma disputa somente entre os candidatos dos partidos Democrata e Republicano, Hillary aparece com 49% e Trump com 47%. Entre os eleitores registrados, os dois têm 46%. O primeiro debate entre Hillary e Trump acontece na segunda-feira (26).

Comente agora
África coloca ultimato à ONU: Ou sai, ou recebe representação no Conselho de Segurança
Mundo  Postado por Débora Ayane - 25/09 11:20h

O presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, afirmou que o continente africano está pronto para sair das Nações Unidas se o seu pedido de reforma não for atendido. Segundo relatos, no domingo Mugabe disse que a União Africana estava planejando formar um grupo separado para onde convidaria países como a Rússia, China e Índia se o Conselho de Segurança da ONU não incluir membros do seu continente no próximo ano."Nem todos os membros permanentes do Conselho de Segurança têm uma postura dura. Assim, eles são somente a Grã-Bretanha, França e EUA. Se eles persistirem, não se queixem depois quando nós formos criar nossa própria organização. Planejamos fazê-lo em setembro próximo – na próxima Assembleia Geral", cita as palavras do líder zimbabuano o portal sul-africano News 24. O líder veterano disse que os dirigentes ocidentais não tomam em conta a opinião de uma série de países africanos, por isso a ONU corre risco de ficar sem estes estados se a reforma não for realizada. "Só a Rússia e a China nos apoiam e os EUA contrariam", afirmou o presidente.(Sputnik Brasil)

Comente agora
Polícia americana prende suspeito de atirar em shopping em Washington
Mundo  Postado por Débora Ayane - 25/09 09:34h

A polícia americana informou neste domingo ter prendido o suspeito de ser o autor do tiroteio que deixou cinco mortos na última sexta-feira (23) no shopping Cascade Mall, em Burlington, no estado de Washington. Segundo o porta-voz da polícia estadual do Washington, sargento Mark Francis, o suspeito, Arcan Cetin, 20 anos, residente em Oak Harbor, localidade próxima a Burlington, a 110 km de Seattle e é nascido na Turquia. De acordo com o xerife do condado de Island, área que aconteceu o crime, que Cetin “parecia um zumbi” quando foi preso e não estava armado. O jovem foi abordado na noite de sábado (24) após ser avistado em um rua de Oak Harbor. “Eu literalmente meti o pé no freio, dei uma volta e pulei para fora”, contou o xerife, Mike Hawley. “Saímos com as armas e ele simplesmente congelou. Ele estava meio que parecendo um zumbi”, completou. Cetin migrou legalmente para os Estados Unidos e é residente permanente em Oak Harbor. Ele já tinha passagens anteriores na polícia por agressão. (BN)

Comente agora
Papa e líderes religiosos prometem se opor ao terror “em nome de Deus”
Mundo  Postado por Redação Voz da Bahia - 25/09 01:44h

O papa Francisco fez um pronunciamento na terça-feira (20), prometendo se opor ao terrorismo em nome de Deus. Acompanhado de outros líderes religiosos mundiais, disseram “Não à guerra!”. Também fizeram um apelo aos políticos, para que ouçam “o grito angustiado de tantos inocentes”. A celebração desse “Dia Mundial de Oração”, foi realizada na cidade de Assis, Itália, onde viveu São Francisco, um santo católico considerado símbolo de paz e da natureza, além de defensor dos pobres. O pontífice encerrou uma reunião de três dias, onde reuniu-se com cerca de 500 representantes do cristianismo, islamismo, judaísmo, budismo, hinduísmo e outras religiões. O tema principal dos debates foi como seus membros poderiam promover melhor a paz e a reconciliação. Além de discursar, Francisco compartilhou refeições com refugiados de guerra. No encerramento, se juntaram para fazer orações na praça do lado da famosa basílica onde São Francisco foi sepultado. Segundo foi divulgado, cada um pediu ao seu deus em favor das vítimas de guerras, incluindo na Síria e no Afeganistão, e os refugiados que fogem dos conflitos no Oriente Médio e Norte da África. O papa disse aos presentes que “Somente a paz é sagrada, e não a guerra”. Enfatizou ainda que a indiferença ao sofrimento se tornou “uma forma nova e profundamente triste de paganismo”, onde alguns dão as costas para vítimas de guerra e refugiados com a mesma facilidade que mudam o canal da TV.

Ecumenismo: 

Comente agora
Merkel quer acordos para que refugiados deixem a Europa
Mundo  Postado por Débora Ayane - 24/09 14:08h

A chanceler alemã Angela Merkel, reunida neste sábado (24) com os chefes de governo dos países dos Bálcãs, declarou que as nações europeias devem assinar mais acordos de repatriação de refugiados com as nações das quais são oriundos."Queremos parar com a migração clandestina sem esquecer de nossas responsabilidades humanistas", declarou Merkel, cujo partido sofreu uma grande derrota eleitoral em Berlim esta semana.Na reunião em Viena estão, entre outros, o primeiro-ministro húngaro, Victor Orban, muito crítico em relação à política de Merkel, o grego Alexis Tsipras, cujo país abriga 60 mil migrantes, e o búlgaro Boyko Borisov, cujo território registra um grande trânsito de migrantes sem documentos.

Comente agora
Terremoto de magnitude 5,3 atinge o leste da Romênia; Ninguém ficou ferido
Mundo  Postado por Débora Ayane - 24/09 10:05h

Um terremoto de magnitude 5,3 atingiu o leste da Romênia neste sábado (24). De acordo com informações obtidas pela agência de notícias EFE com Instituto Nacional Romeno de Física de Terra, o tremor de magnitude 5,3 não fez vítimas nem deixou graves danos materiais. O fenômeno foi registrado às 2h11 (hora local) na região de Vrancea a uma profundidade de 91,6 km, e também foi sentido fortemente na Moldávia e na Bulgária. A Romênia está localizada em uma área com fortes movimentos sísmicos por estar na intersecção entre três placas tectônicas.

Comente agora
Tiroteio em centro comercial deixa quatro mortos e um ferido nos Estados Unidos
Mundo  Postado por Débora Ayane - 24/09 07:22h

Quatro mulheres morreram e um homem ficou gravemente ferido após um atirador abrir fogo dentro de um shopping de Burlington, cidade no estado de Washington, nos Estados Unidos. De acordo com informações da agencia de notícias espanhola EFE , o tiroteio ocorreu por volta das 19h (horário local), quando um homem armado com uma espingarda entrou nos armazéns Macy's do Cascade Mall e atirou contra os clientes. De acordo com o porta-voz da Patrulha de Washington, Mark Francis, as autoridades não têm informações que indiquem que o caso tenha sido um episódio de ataque terrorista, e não está descartada a possibilidade de haverem mais vítimas. As autoridades seguem em busca do atirador, que fugiu antes da chegada dos policiais. Testemunhas descrevem o atirador como um jovem latino-americano, vestido com uma camiseta preta. Ainda de acordo com a publicação, a vítima do sexo masculino segue hospitalizado em estado crítico.

Comente agora
Trump vai vencer, diz especialista que acerta eleições desde 1984
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 23:09h

Ninguém parece saber ao certo quem vencerá as eleições americanas de 8 de novembro – exceto Allan Lichtman, professor da American University, em Washington. Apesar das pesquisas estarem favorecendo Hillary Clinton, o historiador garante que Donald Trump sairá vencedor. O método de previsão desenvolvido por ele acertou os últimos sete presidentes americanos. Lichtman não se baseia em levantamentos de institutos de pesquisa, nem em sua própria opinião, mas em um sistema chamado “chaves para a Casa Branca”. A fórmula, explicada em seu livro Prevendo o próximo presidente, é composta por 13 afirmações que devem respondidas como verdadeiras ou falsas. Os tópicos incluem uma avaliação sobre o partido que atualmente está no poder, questões sobre a personalidade do candidato e pontos sobre o cenário político do país. Apesar de garantir que Trump vencerá, Lichtman admitiu que as eleições deste ano podem ser as primeiras a mostrarem uma falha no sistema. “Donald Trump fez estas eleições serem as mais difíceis de prever deste 1984. Nós nunca vimos um candidato como ele e Trump pode quebrar padrões que a história mantém desde 1860”, disse em entrevista ao jornal The Washington Post.

Comente agora
França proíbe venda de copos e pratos plásticos descartáveis
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 22:27h

A França tornou-se o primeiro país do mundo a proibir a venda de copos, taças, pratos, talheres e outros utensílios descartáveis de plástico. A nova lei segue uma proibição total de sacolas plásticas aprovada em julho e é parte do projeto Transição Energética para o Crescimento Verde, um plano para tornar o país um dos líderes mundiais na adoção de práticas de redução de impacto ambiental e das emissões de gases de efeito estufa. Aprovada no mês passado, a medida passará a valer integralmente em 2020, o que dá bastante tempo para os fabricantes e estabelecimentos comerciais, incluindo restaurantes e supermercados, se adequarem às novas regras. Mas isso não significa o fim dos utensílios descartáveis. Segundo a nova lei, esses produtos deverão ser 50% constituídos por materiais de origem vegetal e serem biodegradáveis. Esses materiais incluem, em particular, amido de milho, amido de batata, fibras têxteis ou de celulose, ou de bambu. Cinco anos depois, em 2025, o conteúdo vai aumentar para 60%. Com a investida, o país espera reduzir o impacto ambiental do plástico convencional, derivado de petróleo, que leva várias décadas para se decompor e é frequentemente associado a substâncias que podem ser tóxicas.

Comente agora
Obama veta lei que permitia processar Arábia Saudita
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 21:12h

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, vetou nesta sexta-feira o projeto de lei que autorizava familiares de vítimas dos atentados de 11 de setembro a processarem a Arábia Saudita. Aprovado pelo Congresso, o texto preocupava a Casa Branca, que alega que ele deixaria muitos diplomatas norte-americanos em todo o mundo sujeitos a "uma série de falsas acusações" e processos enganosos. O projeto de lei é motivo de divergência entre Obama e a candidata democrata a sua sucessão, Hillary Clinton, que prometeu sancioná-lo caso vença a eleição presidencial de novembro. Contudo, o veto do mandatário pode ser derrubado pelo Congresso, que havia chegado a um amplo consenso para aprovar a medida. Permitir que famílias processassem a Arábia Saudita pelo 11 de setembro também poderia afetar as relações diplomáticas com o principal aliado dos Estados Unidos no Golfo Pérsico, sobretudo no âmbito da luta contra o Estado Islâmico. País natal de Osama bin Laden, a Arábia Saudita sempre negou qualquer envolvimento nos atentados de 2001, que foram reivindicados pela Al Qaeda. No entanto, Riad é constantemente acusada de ser conivente com grupos terroristas sunitas e até de financiar alguns deles.

Comente agora
Hillary tem vantagem sobre Trump às vésperas de debate, diz pesquisa
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 20:47h

A candidata democrata Hillary Clinton tem uma vantagem de quatro pontos percentuais sobre o republicano Donald Trump no momento em que se aproxima o primeiro debate presidencial nos Estados Unidos, segundo a mais recente pesquisa nacional da Reuters/Ipsos, divulgada nesta sexta-feira (23). A pesquisa de opinião realizada entre 16 e 22 de setembro mostra que 41% de prováveis eleitores apoiam Hillary, enquanto que 37% estão com Trump. Hillary tem ficado na frente de Trump na pesquisa durante a maior parte da campanha em 2016, mas a vantagem dela tem se reduzido desde as convenções nacionais democrata e republicana, em julho. O levantamento tem um intervalo de credibilidade, uma medida de precisão, de três pontos percentuais, o que significa que os resultados poderiam variar para mais ou para menos nessa faixa. A apenas seis semanas das eleições de 8 de novembro, o debate da próxima segunda-feira na Hofstra University, em Hempstead, em Nova York, será o primeiro dos três entre os rivais que disputam a Casa Branca. Ele representa uma grande oportunidade para os candidatos convencerem eleitores que ainda não definiram a sua opção, depois de uma campanha na sua maior parte negativa, em que Hillary e Trump buscam retratar um ao outro como pessoas que não inspiram confiança, perigosas para o país.

Comente agora
Assembleia da ONU é dominada pela desilusão sobre conflito sírio
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 20:33h

Estados Unidos e Rússia continuavam tentando chegar a uma nova trégua na Síria no âmbito da Assembleia Geral da ONU, nesta sexta-feira (23). O chanceler russo, Serguei Lavrov, disse na ONU que é necessário salvar o acordo para o fim as hostilidades na Síria, enquanto o secretário de Estado americano, John Kerry, mencionou "pequenos progressos" no diálogo. Kerry e Lavrov se reuniram nesta sexta-feira, após o fracasso de uma reunião do Grupo Internacional de Apoio à Síria na véspera. De acordo com o chefe da diplomacia americana, os dois trocaram ideias. "Eu me encontrei com o chanceler (russo), trocamos algumas ideias e fizemos alguns pequenos avanços. Estamos avaliando algumas ideias mútuas de forma construtiva. Isso é tudo", disse Kerry à imprensa em um hotel de Nova York. Enquanto isso, na Assembleia Geral da ONU, Lavrov delineou as divergências essenciais com Estados Unidos sobre os requisitos para restabelecer um cessar-fogo, mas disse que é "essencial" manter os esforços para salvar o acordo. "É essencial prevenir o fracasso desse acordo", disse Lavrov, para quem "não há alternativa" fora do processo conduzido por Moscou e Washington. Lavrov também afirmou que é necessário conduzir uma investigação "imparcial" sobre o ataque a um comboio de ajuda humanitária da ONU e do Crescente Vermelho nas proximidades de Aleppo, para apontar as responsabilidades.

Comente agora
Missa de papa para vítimas de Nice gera polêmica
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 18:07h

A missa que será realizada pelo papa Francisco neste sábado (24) em homenagem às vítimas do atentado de Nice, no qual 86 pessoas morreram no último dia 14 de julho, tornou-se polêmica na França. De acordo com o ONG de defesa dos direitos humanos dos franceses Ligue des Droits de l'Homme (LDH, Liga dos Direitos do Homem), a iniciativa do pontífice "viola o princípio de laicidade" da França, ou seja, a ideia de que nenhuma religião pode exercer uma influência sobre o Estado, que deve ser neutro. Para a organização, a cerimônia viola "vergonhosamente" o princípio o qual rege o país já que ele não deve financiar cultos religiosos de qualquer tipo e, neste caso, o transporte de amigos e familiares das vítimas do ataque da França para o Vaticano será financiado em grande parte por dinheiro público francês. "Já que as vítimas são de várias religiões devemos então esperar que financiem rapidamente uma peregrinação a Jerusalém, Meca e Varanasi [na Índia]?", indagou a ONG. Mas não é apenas essa instituição que critica a missa. A conselheira municipal de Nice, Juliette Chesnel-Le Roux, define a viagem uma "provocação" já que "entre as vítimas do terrorista estão muçulmanos, judeus, protestantes, budistas e ateus". Para as pessoas que participarão da missa, entre sobreviventes e familiares de vítimas, dois aviões da companhia francesa Air France com destino a Roma foram colocados à disponibilização.

Comente agora
Obama convida Trump para visitar museu afro-americano
Mundo  Postado por Débora Ayane - 23/09 13:58h

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, convidou o candidato republicano ao seu cargo, Donald Trump, para fazer uma visita ao Museu Nacional da História e Cultura Afro-americana, que será aberto ao público em Washington neste sábado (24). Em uma entrevista ao programa "Good Morning America", o mandatário destacou que o magnata nova-iorquino poderá conhecer melhor a importância dos negros na história do país. Obama fez o "convite" por causa de mais um comentário polêmico de Trump na corrida eleitoral. Na noite desta quinta-feira (22), o republicano afirmou que "as comunidades afro-americanas estão em sua pior forma na história" por "não ter educação e nem empregos".

Comente agora
Egito recupera 162 corpos no mar após naufrágio
Mundo  Postado por Débora Ayane - 23/09 13:32h

O governo do Egito informou que recuperou 162 corpos do Mar Mediterrâneo desde o naufrágio ocorrido com uma embarcação ilegal na última quarta-feira (21). O incidente, no entanto, pode ter proporções ainda muito maiores já que o governo trabalha com a hipótese de 400 pessoas estarem no barco no momento do acidente. No dia da tragédia, ocorrida no litoral de Rosetta, no norte do país, 165 pessoas foram salvas pelos socorristas egípcios. Até o momento, quatro pessoas foram presas acusadas de tráfico de seres humanos e por homicídio culposo. De acordo com informações dos sobreviventes, a embarcação tinha como destino final a Itália. (ANSA)

Comente agora
Em mensagem à minorias, Trump diz que será voz dos "norte-americanos esquecidos"
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 11:34h

O candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, enviou uma mensagem às minorias do país, afirmando que será a voz das famílias negras e hispânicas que foram esquecidas pelo Partido Democrata. Trump, que tem grande rejeição entre esses grupos, afirmou que sua rival, a democrata Hillary Clinton, é uma figura do establishment letárgica demais para melhorar as vidas das regiões habitadas por essas minorias e que são afetadas pelo crime. "Hilary Clinton não tem que se preocupar com sirenes e tiroteios à noite', disse durante um comício no subúrbio da Filadélfia. "Ele não se preocupa com isso. Ela apenas dorme." Maya Harris, uma conselheira da campanha de Clinton, afirmou em um comunicado na noite de ontem que "nenhum candidato que consistentemente insulta, rebaixa e divide as pessoas, passa cinco anos questionando a legitimidade do primeiro presidente negro da história dos Estados Unidos, se tornou o candidato da extrema direita e fracassou em oferecer soluções ou mesmo entender as questões enfrentadas pelos negros norte-americanos pode dizer o que os outros devem fazer." "Agora é tempo de juntar as pessoas e desenvolver soluções reais. Trump é completamente incapaz disso". O republicano se apresentou para uma plateia predominantemente branca de cerca de 4 mil pessoas subindo ao palco com a música tema do filme Rocky. "Quem será a voz de todos os norte-americanos esquecidos deste país?" Questionou, invocando o exemplo da família pobre de subúrbio ou a "mãe que se sente uma refugiada em seu próprio país".

Comente agora
Holanda se aproxima da legalização do cultivo de maconha
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 10:55h

A Holanda está mais perto de legalizar o cultivo de maconha depois que a maioria dos deputados do Parlamento do país mostrou disposição a apoiar um projeto legislativo do partido liberal D66, informou nesta sexta-feira o portal de notícias DutchNews. Os trabalhistas e os verdes do Groenlinks já haviam apoiado a proposta da parlamentar Vera Bergkamp e agora dois deputados que tinham abandonado a formação de extrema direita PVV decidiram votar a favor da lei. Uma elevada porcentagem da população e Prefeituras também apoiam a medida. Bergkamp espera que legalizar a produção de maconha elimine as “áreas cinzentas” entre os cultivos ilegais e os “coffee shops” com autorização, onde é possível adquirir pequenas doses para consumo pessoal. “Podemos comprar maconha, mas não podemos cultivá-la ou transportá-la, e isso não é bom”, afirmou Bergkamp. Nesse sentido, a política garantiu que regular a produção ajudará a melhorar a saúde e a ter um maior controle da criminalidade.

Comente agora
Sul-coreanos querem arma nuclear contra a Coreia do Norte
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 09:04h

Seis de cada dez sul-coreanos estão a favor que seu país possua armas nucleares, revelou nesta sexta-feira uma pesquisa, em um momento onde esta postura está ganhando força após último teste nuclear da Coreia do Norte.Concretamente, 58% dos cidadãos se mostraram favoráveis que a Coreia do Sul se transforme em um estado com armas nucleares para garantir uma defesa equilibrada contra o regime de Kim Jong-un, enquanto 34% expressou sua oposição a esta possibilidade, de acordo com pesquisa do Gallup Korea. Chama atenção na pesquisa, realizada com mais de mil pessoas em todo o país, o apoio de cidadãos com mais de 60 anos as armas nucleares, correspondendo 75% dos entrevistados, enquanto os jovens de 20 a 30 anos se mostram menos favoráveis, 39%. Em todo caso, os números refletem um maior apoio para a opção da nuclearização que no mês de janeiro, quando era 54%. A Coreia do Norte realizou no último dia 9, seu quinto e mais potente teste nuclear onde afirmou ter detonado uma ogiva nuclear adequado para acoplar seus diversos e variados mísseis, o que tem aumentado temores sobre o imprevisível regime norte-coreano. Assim, vários deputados do partido governante Saenuri - o último esta semana - demandaram na Assembleia Nacional (parlamento) que o governo considere a opção de desenvolver seu próprio armamento atômico, uma postura que também vai ganhando força nos círculos políticos, embora seja minoritária. Atualmente a Coreia do Sul mantém um acordo militar com Estados Unidos, que se compromete a defender a seu aliado em caso de ataque e para isso usaria armas nucleares se Coreia do Norte atacar primeiro

Comente agora
Incêndio em depósito na Rússia deixa 8 bombeiros mortos
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 08:05h

Oito bombeiros morreram nesta sexta-feira (23) enquanto tentavam controlar um incêndio em um depósito onde plásticos estavam armazenados no leste de Moscou, segundo dados divulgados pelo Comitê de Instrução (CI) da Rússia. O incêndio teve início nesta madrugada, sendo controlado horas depois. Uma vez controlado, os bombeiros acharam os corpos de oito de seus companheiros, disse à agência "Interfax", a porta-voz do CI, Yulia Ivanova. "A investigação examina várias possíveis causas do incêndio", afirmou Yulia, revelando que foi aberto um processo criminal por suposta violação das normas de segurança. As estatísticas oficiais mostram que mais de 10 mil pessoas morrem anualmente na Rússia por conta dos incêndios. Segundo o Ministério para Situações de Emergência da Rússia, a imprudência e o abuso do álcool são as principais causas destes acidentes. (Globo)

Comente agora
Hackers divulgam imagem do passaporte de Michelle Obama
Mundo  Postado por Anacley Souza - 23/09 07:48h

O passaporte da primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, pode ter parado nas mãos de hackers. Estão circulando nas redes sociais imagens de uma aparente cópia do documento e de e-mails pessoais de funcionários de baixo escalão da Casa Branca. A Presidência não fez comentários sobre a autenticidade do passaporte, mas o porta-voz de Barack Obama, Josh Earnest, assegurou que o governo está tratando a questão “de maneira muito séria”. Já a procuradora-geral dos EUA, Loretta Lynch, admitiu que está “examinando” o suposto vazamento. O Serviço Secreto americano, que cuida da segurança pessoal do presidente e da primeira-dama, não confirmou se tinha aberto uma investigação formal, mas informou em uma nota breve que estava ciente da “alegada pirataria informática”. A ação hacker teria sido obra de um grupo denominado DC Leaks, que membros da inteligência americana ligam aos serviços secretos russos e cujos vazamentos atingem especialmente o ambiente político dos Estados Unidos.

Comente agora
Israel não pode ocupar terras palestinas indefinidamente, ameaça Obama
Mundo  Postado por Redação Voz da Bahia - 23/09 00:25h

Em seu último discurso como presidente dos Estados Unidos diante da Assembleia da ONU, Barack Obama, afirmou que o mundo está em uma encruzilhada entre um futuro com um sistema integrado, liberal e um perigosamente dividido por “linhas antigas” que separam por raça e tribo. O discurso – descrito por funcionários da Casa Branca como um resumo da sua política externa – atacou grandes potências. A França foi criticada por ter proibido mulheres muçulmanas de usarem suas vestes tradicionais, a Rússia por buscar “recuperar glória perdida através da força” e a China por negar a democracia ao seu povo. Ao falar de Israel, reclamou de sua continua “ocupação e regularização de terras palestinas.” Há “falhas profundas na ordem internacional existente”, expostas pelas forças turbulentas da globalização, advertiu o presidente americano. Para ele, existe uma competição internacional entre autoritarismo e do liberalismo, agravados pela desigualdade histórica e desnudado para as massas através de avanços tecnológicos na comunicação. Ao mesmo tempo que falou de forma genérica sobre a “ perda de confiança das pessoas nas instituições”, foi específico ao mencionar que “Em vastas áreas do Oriente Médio, a segurança e a ordem básica das coisas foram quebradas”. De acordo com o Jerusalém Post, ele enumerou as três grandes forças que lutam “contra o progresso”: o fundamentalismo religioso, o nacionalismo agressivo, e populismo barato, usando o tom globalista que caracterizou boa parte de seus anos na Casa Branca. Depois, voltou a mencionar o conflito entre Israel e os palestinos, Obama usou um tom de ameaça ao dizer que o Estado judeu não “pode ocupar indefinidamente as terras palestinas”. Também avisou que para os palestinos seria melhor se eles “rejeitassem a provocação”.

Comente agora
China cria primeiro banco de genes com 10 milhões de amostras
Mundo  Postado por Anacley Souza - 22/09 21:24h

A China inaugurou nesta quinta-feira, na cidade de Shenzhen, no sul do país, seu primeiro Banco Nacional de Genes (CNGB), local que abre com dez milhões de amostras e tem como objetivo chegar a 300 milhões quando estiver em plena operação. O projeto, iniciado pela Comissão Nacional de Reforma e Desenvolvimento em 2011, procura promover pesquisas sobre saúde e conservação da biodiversidade, informou a agência oficial "Xinhua". "Esperamos fazer com que o banco de genes seja o maior centro de dados biológicos da China e, inclusive, do mundo. Seria como um Google, mas no campo dos dados de vida e de saúde", disse o diretor do CNGB, Mei Yonghong, em declarações citadas pela "Xinhua". Com uma superfície de 47.500 metros quadrados, o centro reúne um banco de informações biológicas, outro de amostras genéticas e mais um de amostras vivas de plantas, animais e micro-organismos. Por isso, alguns veículos de imprensa do país já batizaram o projeto de "Arca de Noé da China". "A missão do banco de genes é preservar a essência de 1 bilhão de anos de experiência evolutiva e armazenar os fundamentos da vida de milhões de pessoas", explicou Yonghong. Já o diretor-executivo do CNGB, Xu Xun, afirmou que as células humanas armazenadas podem ajudar a curar muitas doenças no futuro, com a melhora da tecnologia médica. Além disso, o banco de genes chinês colaborará com mais de cem organizações internacionais dedicadas à pesquisa da saúde, da biodiversidade e da evolução. Os Estados Unidos, o Reino Unido e o Japão já contam com instituições similares, mas o órgão na China, um país com quase 1,4 bilhões de habitantes, tem aspirações de se transformar no maior do mundo. (EFE)

Comente agora
Juiz condena fábrica de cigarros indenizar fumante na Argentina
Mundo  Postado por Anacley Souza - 22/09 20:33h

Um juiz da Argentina determinou que a fabricante de cigarros Massalin Particulares deverá indenizar em 300.000 pesos (63.700 reais) um fumante de 65 anos pela dependência de cinco décadas dos produtos vendidos pela empresa. A companhia produz cigarros para as principais marcas da indústria tabagista, como Philip Morris e Marlboro, na Argentina. O Juizado Cível e Comercial de Mar del Plata, na província de Buenos Aires, considerou que a Massalin Particulares deverá indenizar Hugo César Lespada pela “dependência insuperável” que ele sofre. A empresa recorreu da decisão judicial. Segundo o juiz responsável pelo caso, a empresa de tabaco se utilizou de publicidade “indutiva e enganosa” durante a década de 70 para vender seus produtos e não advertiu os consumidores sobre os danos potenciais do cigarro para a saúde humana. Hoje, Lespada sofre frequentemente com falta de ar, dificuldade para caminhar, adormecimento dos braços e outros problemas que afetam sua vida cotidiana. Ele começou a fumar na adolescência e afirma que já tentou acabar com o vício diversas vezes, mas não conseguiu. “A publicidade sugeria que os fumantes eram vencedores”, afirmou Lespada ao jornal Clarín, sobre as propagandas de cigarro durante sua adolescência. “Tenho 65 anos e não consigo deixar o cigarro. Fumo 50 cigarros por dia”, disse. “Sabem perfeitamente que estão vendendo um veneno e não param.” Segundo Lespada, seu objetivo é investir a indenização em um tratamento médico “para poder terminar com este flagelo tão grande que é a nicotina”. O denunciante assegura que quando iniciou o processo judicial, há 12 anos, achava que as possibilidades de ganhar eram pequenas e por isso comemorou que o juiz tenha decidido a favor do “doente” e não “dos poderosos que contaminam a sociedade”. “A Justiça deve favorecer a saúde, não a droga”, acrescentou. (EFE)

Comente agora
'Jornalismo não pode virar uma arma de destruição', diz Papa
Mundo  Postado por Anacley Souza - 22/09 19:21h

O papa Francisco explicou nesta quinta-feira, dia 22, como um bom jornalista tem que fazer seu ofício. Com alguns conselhos, o Pontífice quase criou um pequeno documento de ética para a profissão na reunião com o Conselho Italiano da Ordem dos Jornalistas, que aconteceu na sala Clementina com o presidente do órgão, Enzo Iacopino, e com o responsável pela Secretaria Vaticana de Comunicação, o monsenhor Dario Edoardo Viganò. Entre as recomendações fundamentais de Mario Bergoglio para quem "faz a informação" estão as de "amar a verdade", "viver com profissionalismo", e "respeitar a dignidade humana". Assim, o jornalismo não será transformado em uma "arma de destruição" de pessoas e de povos e "não alimentará o medo em relação aos imigrantes". Depois que Viganò e Iacopino fizeram suas primeiras considerações, o Papa revelou como os jornalistas, "quando têm profissionalismo", são "uma coluna importante, um elemento fundamental para a vitalidade de uma sociedade livre e plural" e têm uma "grande responsabilidade". Sobre o fato de que os jornalistas devem "amar a verdade", Francisco explicou que "a questão é ser honesto consigo mesmo e com os outros". "Essa relação é o 'coração' de toda comunicação. Isso é mais verdadeiro para quem faz da comunicação o seu próprio ofício e nenhuma relação pode se reger e durar no tempo se está apoiada na desonestidade", disse o religioso. E com o fluxo ininterrupto de fatos 24 horas por dia, "não é sempre fácil chegar na verdade" e que "na vida nem tudo é branco ou preto e por isso no jornalismo é preciso saber discernir os tons de cinza", disse o Pontífice.

Comente agora
Por 'aceitação do corpo feminino', mulheres tiram a roupa em Buenos Aires; veja vídeo
Mundo  Postado por Débora Ayane - 22/09 17:05h

Um grupo de mulheres resolveu caminhar sem roupas no centro da cidade de Buenos Aires como forma de promover a aceitação do corpo feminino. A organizadora do ato, Paula Brindisi, disse à imprensa argentina que a campanha visa não apenas a aceitação da própria pessoa como também do outro. "As pessoas se surpreendem quando veem seios, mas ninguém se surpreende ao ver o peito de um homem", afirmou Paula. De acordo com o jornalista Fernando Moreira, do jornal "O Globo", o movimento é conhecido como Urbanudismo e existe há alguns anos. Veja vídeo: 

Comente agora
Garoto americano de 6 anos oferece acolher menino sírio em carta a Obama
Mundo  Postado por Débora Ayane - 22/09 14:30h

A carta de um menino americano de seis anos comunicando a Barack Obama a oferta de um lugar em sua família para uma criança refugiada síria viralizou.Alex, de Nova York, escreveu para o presidente dos EUA depois de ver uma foto de Omran Daqneesh, retratado com rosto ensanguentado em um hospital de Aleppo em uma imagem que causou indignação e consternação ao redor do mundo.No Facebook, Obama disse que a carta era de uma criança "que não aprendeu a ser cínica, desconfiada ou temerosa". O post do presidente, acompanhado por um vídeo em que Alex lê a carta, já foi compartilhado mais de 125 mil vezes.

Comente agora
Jovem agredida por negar sexo posta alerta nas redes sociais
Mundo  Postado por Willyam Reis - 22/09 11:12h

A britânica Stephanie Littlewood, de 22 anos, posta fotos chocantes tiradas após ser agredida até quase a morte pelo seu ex-companheiro Wayne Hoban, de 24 anos, ao negar ter relações sexuais com ele. O ataque aconteceu no último dia 2 de abril, mas o agressor só foi julgado e condenado nesta quarta-feira (21), de acordo com o que divulgou o Extra. "Ele [Waine] estava de mau humor comigo a noite toda e queria transar, mas só porque eu recusei, ele ficou irritado e agressivo", relata a jovem ao jornal "The Mirror". "Ele me jogou no chão, sentou sobre mim e me estrangulou contra o chão... Eu não pude me mover. Ele me bateu umas 40, 50 vezes no lado esquerdo do rosto, quebrando três dentes, minha mandíbula, até eu apagar... e continuou a me bater", conta. Stephanie, que ainda se trata de lesões físicas e emocionais por conta da agressão, concluiu a sua publicação com um alerta: "Hoje, eu estava no tribunal quando ele foi acusado por bater numa mulher e sentenciado a 16 meses de prisão. Por favor, meus amigos, minha família e amigos, compartilhem essa mensagem para que outras mulheres lá fora saibam o monstro que ele é".

Comente agora
Pesquisa mostra Hillary com vantagem sobre Trump
Mundo  Postado por Anacley Souza - 21/09 20:56h

Uma pesquisa de intenção de voto encomendada pelo Wall Street Journal e pela NBC News mostrou que a candidata democrata Hillary Clinton continua à frente do rival republicano Donald Trump na corrida presidencial dos Estados Unidos, mesmo com os últimos reveses da campanha da ex-Secretária de Estado. Hillary tem 43% das intenções de voto dos eleitores que provavelmente comparecerão às urnas, enquanto Trump soma 37%. A pesquisa foi realizada entre os dias 16 e 19 de setembro, logo após as polêmicas envolvendo o estado de saúde de Hillary e com Trump finalmente recuando das suas acusações de que o atual presidente, Barack Obama, não teria nascido nos Estados Unidos. É a primeira pesquisa WSJ/NBC deste ano que se concentra apenas nas declarações de eleitores que provavelmente comparecerão às urnas. Entre todos os eleitores registrados, ou seja, um grupo um pouco maior, a vantagem de Hillary sobre Trump é ligeiramente menor, de 5 pontos porcentuais. (Estadão Conteúdo)

Comente agora
Bebês dormem em caixas de papelão em hospital da Venezuela
Mundo  Postado por Anacley Souza - 21/09 20:02h

Em meio a uma severa crise econômica, imagens de bebês recém-nascidos dormindo em caixas de papelão em um hospital na Venezuela por conta da falta de berços causaram comoção em todo o país. As imagens, divulgadas por um dirigente opositor, teriam sido tiradas em um hospital na cidade de Barcelona, no estado de Anzoátegui, por um funcionário revoltado com a situação. As fotos, cuja veracidade não foi comprovada, viralizaram nas redes sociais. O diretor nacional do Seguro Social, Carlos Rotondaro, disse que irá abrir uma investigação para averiguar as denúncias. Há meses tem vindo à tona denúncias da falta de remédios nos hospitais do país. A morte de duas crianças por falta de remédios neste ano comoveram não só a Venezuela, como a comunidade internacional. Segundo com o presidente da Federação Médica venezuelana, Douglas León, os centros médicos estão operando com cerca de 5% dos materiais necessários. Além disso, diante do difícil panorama, diversos profissionais da medicina têm deixado o país nos últimos anos. A Venezuela sofre com uma inflação galopante,  a maior da América Latina , acompanhada de uma crise produtiva, problemas de distribuição de produtos de primeira necessidade e mercado golpeado por medidas de restrição e regulamentação. (ANSA)

Comente agora
Boeing anuncia que EUA autorizaram venda de aviões ao Irã
Mundo  Postado por Anacley Souza - 21/09 19:39h

A fabricante de aviões Boeing anunciou nesta quarta-feira (21) que teve o aval dos Estados Unidos para vender aviões novos ao Irã, algo inédito desde a Revolução Islâmica de 1979. Essa aprovação, que chega em forma de licença, refere-se a um pedido estimado em US$ 25 bilhões feito pela Iran Air à companhia americana em junho. As duas empresas assinaram um protocolo à espera da decisão final das autoridades americanas. "Recebemos uma licença e continuamos as negociações com a Iran Air", confirmou à AFP o porta-voz do grupo de Chicago, Marc Sklar. "O acordo de venda final deveria respeitar o marco da licença que nos concederam", acrescentou. O acordo com a Iran Air se refere a 80 aeronaves, incluindo os modelos 737 MAX, 300ER e 900. Se a Boeing quiser vender mais de 80 aviões novos para a Iran Air, ela terá de solicitar outra licença, indicou à AFP uma fonte próxima ao caso. Esse pedido pode se valorizar em US$ 25 bilhões, disse em junho à AFP uma fonte próxima às negociações sob anonimato. Mas a quantidade poderia variar até o fim do contrato, já que as companhias aéreas muitas vezes obtêm fortes descontos por parte das construtoras. A negociação se viu ameaçada em julho passado, quando a Câmara de Representantes dos EUA adotou uma série de medidas proibindo as grandes instituições financeiras, principalmente americanas, de conceder linhas de crédito para qualquer compra de aviões comerciais que pudessem ser usados com fins militares. Para entrar em vigor, essas medidas teriam de ser aprovadas pelo conjunto do Congresso.

Comente agora
Naufrágio na costa egípcia deixa mais de 400 imigrantes desaparecidos
Mundo  Postado por Anacley Souza - 21/09 19:35h

Mais de 400 pessoas estão desaparecidas após um naufrágio que levava 600 imigrantes nesta quarta-feira (21). O incidente ocorreu perto de Rosetta, no norte do Egito. Já foi constatada a morte de 29 pessoas, e outras 150 foram resgatadas. As autoridades informaram que a embarcação levava sírios, egípcios e outros imigrantes africanos. Entre os mortos, estão pelo menos dez mulheres e duas crianças. Segundo o jornal O Globo, o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) afirmou nesta terça-feira que mais de 300 mil migrantes e refugiados cruzaram o Mediterrâneo a caminho da Europa desde o início de 2016. O Acnur informou ainda que 3.211 pessoas morreram ou foram consideradas desaparecidas desde janeiro no Mediterrâneo. "Neste ritmo, 2016 será o ano mais letal para o mar Mediterrâneo", declarou William Spindler, porta-voz do Acnur em Genebra.

Comente agora
Em discurso, presidente filipino xinga e mostra dedo médio para a União Europeia
Mundo  Postado por Willyam Reis - 21/09 10:15h

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, fez u pronunciamento cheio de palavrões e levantou o dedo médio contra o União Europeia em reação às críticas do Parlamento Europeu ao número de mortes do país. "Eu digo a eles, fodam-se. Vocês estão fazendo isso em expiação dos seus pecados", disse Duterte às autoridades locais em sua cidade natal, Davao (sul do país) na terça-feira (20), em comentários filmados pela emissora ABS-CBN. Segundo informações da AFP, a Corte do bloco europeu criticou, recentemente, o que classificou como "atual onda de execuções extrajudiciais e assassinatos nas Filipinas". Aos 71 anos, o presidente já havia reagido de forma semelhante contra o presidente norte-americano Barack Obama, que criticou a política de repressão às drogas no país. Na ocasião, Duterte chamou Obama de "filho da puta" e amaldiçoou as Nações Unidas. Desde que assumiu a liderança do país, em 30 de junho, cerca de 3 mil pessoas foram mortas no país - um terço delas por tiros da polícia. No último domingo (18), Duterte disse que pretende estender a repressão às drogas por considerar o problema pior do que o esperado. (Noticias ao Minuto)

Comente agora
Trump acusado de usar dinheiro de Fundação para despesas pessoais
Mundo  Postado por Anacley Souza - 20/09 23:00h

O candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, utilizou dinheiro de sua fundação para pagar multas e despesas pessoais, em aparente violação da legislação fiscal, informou nesta terça-feira The Washington Post. O candidato republicano utilizou 258.000 dólares da fundação Trump para pagar multas pessoais, o que não é permitido por lei, destaca o jornal. Em 2007, a fundação Trump pagou 100.000 dólares a uma associação de veteranos de guerra após um acordo judicial com a cidade de Palm Beach envolvendo a altura não regulamentar do mastro da bandeira dos Estados Unidos em uma das propriedades do magnata. O jornal descobriu ainda que Trump não contribui com a Fundação desde 2009, e que a entidade está sendo financiada por doações de terceiros. Segundo a investigação do Washington Post, a Fundação pagou despesas de Trump, como a compra de um retrato seu em um leilão em 2007, por 20 mil dólares. “É evidente que a fundação Trump não é uma entidade caritativa, da mesma forma que a Universidade Trump não é um instituto de ensino superior”, declarou Christina Reynolds, porta-voz de Clinton “Chegou a hora de (Trump) publicar suas declarações de renda para ver se seus problemas fiscais envolvem suas finanças pessoais”. Os democratas estimam que este caso não está tendo a devida cobertura pela imprensa americana, que consideram ser mais indulgente com Trump do que com Clinton. (AFP)

Comente agora
Muro contra imigrantes começa a ser construído na França
Mundo  Postado por Anacley Souza - 20/09 19:56h

Começou nesta terça-feira a construção de um muro em Calais, no norte da França, para dificultar a entrada de imigrantes ilegais no Reino Unido. Apesar de contar com o aval de Paris, a obra é financiada pelo governo britânico e custará cerca de 3 milhões de euros (cerca de R$ 10,9 milhões). Feita de concreto armado e dotada de câmeras de vigilância, a barreira terá um quilômetro de comprimento e quatro metros de altura e deve ficar pronta até o fim do ano. O muro passará por uma estrada que leva ao porto de Calais, a poucos metros de distância de um campo de refugiados que vem sendo palco de diversas crises humanitárias ao longo dos últimos meses. A cidade francesa entrou na rota de imigrantes por abrigar o Eurotúnel, via ferroviária e rodoviária no Canal da Mancha que conecta o continente à Grã-Bretanha. Por conta disso, milhares de pessoas começaram a povoar um bosque nos arredores de Calais, que ganhou o apelido de "selva" dos refugiados. (Ansa)

Comente agora
Obama defende integração global positiva em discurso na ONU
Mundo  Postado por Débora Ayane - 20/09 13:49h

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, defendeu nesta terça-feira, dia 20, durante seu último discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU), a integração mundial, a importância da democracia e lembrou os avanços registrados desde que assumiu o Poder, em 2009.Enquanto o candidato republicano à Casa Branca, Donald Trump, defende a construção de um muro na divisa com o México para evitar a entrada de imigrantes ilegais no país, Obama pediu uma integração global positiva. "Uma nação com muros só aprisiona a si mesma. Rejeitar a integração global não é uma resposta", apontou, em uma critica velada ao rival.O líder ainda defendeu que a comunidade internacional deve continuar a trabalhar com "aqueles que procuram construir ao invés de destruir".

Comente agora
Polícia americana encontra 'pacote suspeito' perto da Casa Branca
Mundo  Postado por Débora Ayane - 20/09 13:15h

A polícia encontrou nesta terça-feira (20) "um pacote suspeito" em uma rua de Washington, perto da Casa Branca, a sede da presidência dos EUA, informou à Agência Efe um dos agentes encarregados da operação policial.O "pacote suspeito" foi localizado nos arredores do Teatro Warner e, por isso, a polícia decidiu interromper a circulação de veículos e pedestres no trecho entre as ruas 12 e 14 da Avenida Pensilvânia, onde fica a Casa Branca, por volta das 9h locais (10h de Brasília).A Casa Branca se encontra a menos de um quilômetro do local onde a polícia decidiu estabelecer um perímetro de segurança. Além do bloqueio, a polícia de Washington indicou no Twitter que vários edifícios da área foram esvaziados.A administração do Edifício Nacional de Imprensa, onde se encontram vários veículos de comunicação internacionais, enviou um aviso aos meios que possuem escritórios no local para comunicar que suas instalações estavam fechadas, mas os guardas de segurança estão permitindo a entrada de pessoas que trabalham no prédio.O alerta acontece logo depois que as autoridades de Nova York detiveram na segunda-feira um homem de 28 anos por sua possível ligação com a explosão de vários artefatos em Nova York e no vizinho estado de Nova Jérsei durante o fim de semana.(G1)

Comente agora
Líderes mundiais se dispõem a ajudar refugiados sem assumir metas
Mundo  Postado por Anacley Souza - 19/09 23:06h

Os 193 Estados da ONU prometeram nesta segunda-feira (19) tentar melhorar a sorte de milhões de refugiados para responder à maior crise migratória desde a Segunda Guerra Mundial, mas não estabeleceram objetivos concretos. Essa declaração de intenções os compromete a "proteger os direitos fundamentais de todos os refugiados e migrantes", aumentar o apoio aos países que os acolhem e promoverem a educação das crianças refugiadas, afirmou o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, ao inaugurar a primeira cúpula da ONU dedicada às migrações. Ele pediu aos líderes mundiais para "combaterem a xenofobia crescente" enfrentada pelos migrantes. Negando que essa cúpula seja a da "autocongratulação e conforto", o alto comissário para os Direitos Humanos da ONU, Zeid Ra'ad al-Hussein, atacou com virulência os "trapaceiros e sectários" que se recusam a "compartilhar as responsabilidades" e a receber mais refugiados em seus territórios. Um dos raros compromissos concretos veio da China, cujo primeiro-ministro, Li Keqiang, anunciou uma contribuição de US$ 100 milhões para a ajuda humanitária aos refugiados. "A China está disposta a assumir suas responsabilidade de acordo com suas capacidades", afirmou Li. Essa primeira cúpula da ONU dedicada às migrações tem como pano de fundo a guerra na Síria. Em cinco anos, esse conflito já deixou 300.000 mortos e levou quatro milhões de sírios a se refugiarem nos saturados países vizinhos, ou na Europa. Antes do início do evento, Ban tinha sugerido que os países acolham a cada ano 10% do total dos refugiados em virtude de um "pacto mundial". Ao longo das negociações, porém, esse objetivo desapareceu, e o pacto foi adiado até pelo menos 2018. "Os governos responderam à crise pela metade", reclamou a diretora-executiva da ONG britânica Oxfam, Winnie Byanyima.

Comente agora

As 5+ comentadas












Todos os direitos reservados a Marcus Augusto Macedo | vozdabahia@hotmail.com