Voz


PodCast



Enquete





Blog

Economia

Correios apresenta nova estratégia para se reposicionar no mercado

Economia  Postado por Anacley Souza - 26/05 09:06h
Correios apresenta nova estratégia para se reposicionar no mercado

Os Correios apresentaram, nesta quinta-feira (25), uma nova estratégia e um novo modelo de estrutura organizacional. A mudança é mais uma das medidas que vêm sendo adotadas para recuperação financeira da empresa e seu reposicionamento no mercado. A iniciativa irá otimizar os processos e aumentar a eficácia dos serviços, rentabilizar a rede e oferecer soluções inovadoras à sociedade. Com a nova estratégia e a nova estrutura, a estatal reformulará as áreas de atuação de suas vice-presidências, com destaque para a de Setor Público, que será responsável por estreitar o relacionamento com os clientes integrantes dos governos federal, estaduais e municipais. O objetivo da mudança é intensificar o foco no cliente e aumentar a eficiência e a produtividade corporativa, enquanto explora melhor as sinergias entre os departamentos, aumenta o controle e a responsabilização de suas ações e reforça sua capacidade digital e de inovação.

Comente agora

Feirão da Casa Própria começa nesta sexta em 11 capitais

Economia  Postado por Anacley Souza - 26/05 08:28h
Feirão da Casa Própria começa nesta sexta em 11 capitais

O Feirão da Casa Própria, da Caixa Econômica Federal, começa hoje (26) e vai até domingo (28), com mais de 202 mil imóveis novos e usados, que estarão em oferta em 11 cidades brasileiras - São Paulo, Rio de Janeiro, Campinas, Belém, Florianópolis, Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, Salvador, Goiânia e Uberlândia. Além dessas cidades, a 13º edição do feirão ocorrerá em Brasília, Fortaleza e Curitiba, de 23 a 25 de junho. Neste ano, o feirão contará com 548 construtoras, 261 correspondentes imobiliários e 185 imobiliárias que ocuparão os estandes do evento durante o fim de semana. O número de imóveis ofertados supera a marca de 228 mil. Para fazer um bom negócio e fugir de falsas ofertas, a orientação é de que o comprador pesquise os preços que as construtoras praticavam antes do feirão.

Comente agora

Com crise na JBS, governo estuda incentivos para pequenos frigoríficos

Economia  Postado por Anacley Souza - 26/05 07:35h
Com crise na JBS, governo estuda incentivos para pequenos frigoríficos

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, afirmou nesta quinta-feira, 25, que o governo estuda meios para estimular que grupos pequenos e médios ocupem espaços no mercado de carnes e reduzam a concentração no setor. Maggi explicou que seu ministério já mapeia plantas industriais que estão fechadas para uma possível reativação. A informação vem depois da delação dos donos da JBS, a maior empresa de carnes do mundo, que provocou uma crise envolvendo o presidente Michel Temer. "Sempre me preocupei, como ministro e produtor, com o tamanho que a JBS atingiu no Brasil e sempre fui um crítico do governo e do BNDES de ter proporcionado essa concentração. Vivemos um momento delicado, estamos fazendo um levantamento e vamos tentar estimular outros grupos a irem ao mercado", afirmou Maggi no seminário "A Força do Campo", organizado pelo banco Santander e pelo governo de Mato Grosso.

Comente agora

Comércio elimina 30.797 vagas com carteira assinada em doze meses

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 21:35h
Comércio elimina 30.797 vagas com carteira assinada em doze meses

O comércio varejista do Estado de São Paulo continua cortando empregos. Só nos últimos doze meses foram eliminadas 30.797 vagas com carteira assinada, segundo levantamento da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP). Em março, o varejo dispensou 9.949 funcionários, no quarto mês consecutivo de redução da mão de obra. Em março de 2017 a situação era um pouco pior: 13.277 empregos com carteira assinada foram cortados. Para a Fecomercio, o estancamento da retração do mercado de trabalho se dá de forma bastante lenta e evidencia a crise de empregabilidade que o setor vivencia. Entre as nove atividades pesquisadas, apenas farmácias e perfumarias (2%) e supermercados (1%) apresentaram crescimento no número total de empregos na comparação com o mesmo mês de 2016. Os piores desempenhos foram registrados nos segmentos de concessionárias de veículos (-4,9%), lojas de vestuário, tecidos e calçados (-4,4%) e lojas de móveis e decoração (-4,2%). Por ocupações, os maiores cortes foram verificados entre vendedores e demonstradores (-3.118 vagas) e caixas bilheteiros e afins (-1.098 vagas). A FecomercioSP diz que a recuperação do mercado de trabalho se dará apenas quando houver uma reação mais consistente das vendas do setor.

Comente agora

Demanda das empresas por crédito cai 12,2% em abril

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 20:33h
Demanda das empresas por crédito cai 12,2% em abril

A demanda por crédito por parte das empresas caiu 12,2% em abril na comparação com março, segundo o Indicador Serasa Experian de Demanda das Empresas por Crédito. Na comparação com abril de 2016, houve recuo de 5,7%. No acumulado de 2017, a queda foi de 2,6% com relação ao mesmo período do ano passado. “A procura por crédito por parte das empresas ainda segue bastante deprimida neste início de ano, apesar de a economia demonstrar alguns sinais de saída da recessão. A elevada inadimplência empresarial, ocasionando uma certa restrição da oferta de crédito às empresas, acaba também contribuindo para um cenário de crédito corporativo ainda enfraquecido”, dizem os economistas do Serasa Experian.

Detalhamento: As empresas de micro e pequeno porte apresentaram queda de 12,6% em abril. Nas médias empresas, caiu 2,7% e nas grandes 0,9%. No acumulado dos primeiros quatro meses do ano, a demanda por crédito das micro e pequenas empresas recuou 2,2% em relação aos primeiros quatro meses do ano passado. Nas médias empresas, esta queda foi de 9,4% e, nas grandes empresas, o recuo em relação ao primeiro quadrimestre do ano passado foi de 9,0%. O setor industrial teve queda de 11,5% e o das empresas comerciais, de 11,3%. Já o setor de serviços teve um crescimento de 13,1%. No acumulado do ano, a demanda das empresas por crédito caiu 5,4% na indústria, 4,2% no comércio e 0,2% nas empresas de serviços em relação aos primeiros quatro meses do ano passado. Todas as regiões apresentaram queda na demanda por crédito nos primeiros quatro meses do ano: Centro-Oeste (-3,6%); Norte (-4,3%), Sul (-4,3%), Nordeste (-5,1%), Sudeste (-0,3%).

Comente agora

Petrobras reduz preço da gasolina em 5,4% e do diesel em 3,5%

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 19:32h
Petrobras reduz preço da gasolina em 5,4% e do diesel em 3,5%

A Petrobras anunciou nesta quinta-feira (25) que decidiu reduzir o preço médio nas refinarias em 5,4% para a gasolina e em 3,5% para o diesel. "A decisão foi guiada predominantemente por um aumento significativo nas importações no último mês, o que obrigou ajustes de competitividade da Petrobras no mercado interno", informou a estatal em comunicado. "Se o ajuste feito hoje for integralmente repassado e não houver alterações nas demais parcelas que compõem o preço ao consumidor final, o diesel pode reduzir 2,2%, ou cerca de R$ 0,07 por litro, em média, e a gasolina, 2,4% ou R$ 0,09 por litro, em média", projeta a Petrobras. Em abril, a petroleira tinha elevado o preço da gasolina em 2,2%, na média, e do diesel em 4,3% nas refinarias, citando a elevação dos preços dos derivados nos mercados internacionais. Segundo a Petrobras, a importação de gasolina por terceiros para o mercado interno aumentou de 240 mil metros cúbicos em fevereiro para 419 mil em abril. No diesel a importação passou de 564 mil metros cúbicos em fevereiro para 811 mil em abril. "Com isso, as refinarias da Petrobras podem chegar a um fator de utilização abaixo do último dado divulgado pela companhia em seus resultados trimestrais, que foi de 77%", informou.

Comente agora

Indenização em voo internacional deve seguir regras estrangeiras, afirma STF

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 19:18h
Indenização em voo internacional deve seguir regras estrangeiras, afirma STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (25) que as reclamações judiciais de passageiros que tiveram problemas em viagens áereas internacionais devem ser regidas por regras internacionais. A Corte julgou recursos de duas empresas aéreas internacionais que se manifestaram contra a incidência do Código de Defesa do Consumidor nas ações judiciais. Com a decisão, indenizações de viajantes brasileiros, por atraso de voos internacionais ou extravio de bagagens, deverão seguir a Convenção de Varsória, que trata de regras sobre transporte aéreo internacional, e não o Código de Defesa do Consumidor, que baliza as atuais decisões dos juízes em casos de danos morais e materiais contra as empresas aéreas. A decisão vai provocar mudanças nos valores que as companhias são condenadas a pagar aos consumidores. De acordo com a norma internacional, as indenizações aos passageiros podem ser limitadas. Pelas regras nacionais, a indenização por danos morais e materiais é mais ampla. O caso concreto julgado pelos ministros trata de um pedido de indenização de R$ 6 mil feito por uma passageira pelo atraso de 12 horas em um voo internacional. Com informações da Agência Brasil.

Comente agora

Companhias aéreas anunciam 670 voos extras

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 18:53h
Companhias aéreas anunciam 670 voos extras

As companhias aéreas Gol e Azul anunciaram a oferta de 670 voos extras para a Bahia durante a alta temporada, que começa em julho. Os voos incrementam as operações nos aeroportos de Salvador, Porto Seguro, Ilhéus e Valença, com acesso a Morro de São Paulo, e partem de cidades como Belo Horizonte e São Paulo (Campinas e Guarulhos), Goiânia e Brasília. A Gol, maior companhia aérea brasileira, realizará 528 voos extras no período, que vai até o dia 16 de agosto. Já a Azul oferecerá mais 150 viagens.

Comente agora

Senado aprova MP que libera saque das contas inativas do FGTS

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 13:58h
Senado aprova MP que libera saque das contas inativas do FGTS

Em sessão esvaziada, e sem contagem de votos, o Senado aprovou a MP 763/2016, que permite o saque de contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) sem a carência de três anos exigida pela lei. Por se tratar de medida provisória, o saque já era permitido desde a edição do texto, no fim do ano passado. Mas era necessária a aprovação da MP pelo Congresso para que a medida não perdesse a validade. A Câmara aprovou a proposta na última terça-feira, 23. Havia preocupação de que, com a crise política no governo, a base não tivesse força para votar o texto no Senado e a medida provisória perdesse a validade. Mas, por se tratar de um tema consensual, a oposição não obstruiu a análise da MP e o texto foi rapidamente votado. Se a MP não tivesse sido aprovada pelo Senado até o dia 1º de junho, as pessoas nascidas entre setembro a dezembro não poderiam fazer saque das contas inativas do FGTS. Isso porque o saque para quem nasce entre setembro e novembro só começará a partir de 16 de junho. Para os nascidos em dezembro, somente após o dia 14 de julho. A medida provisória aprovada nesta quinta também garante um rendimento maior daqui para frente para os saldos depositados no FGTS.

Comente agora

Juro do cartão de crédito cai 67,8 pontos e fica em 422,5% em abril

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 11:43h
Juro do cartão de crédito cai 67,8 pontos e fica em 422,5% em abril

No primeiro mês em que vigoraram as novas regras do rotativo do cartão de crédito, os juros dessa modalidade caíram 67,8 pontos percentuais: de 490,3% ao ano, em março, para 422,5% ao ano, em abril. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (25) pelo Banco Central. É a menor taxa desde outubro de 2015, quando os juros do cartão estavam em 399,97% ao ano. No mês de abril, passaram a valer as mudanças nas regras do cartão de crédito. Elas preveem que o rotativo só poderá ser usado até o vencimento da fatura seguinte. Se na data do vencimento o cliente não tiver feito o pagamento total do valor da fatura, o restante terá que ser parcelado ou quitado. A expectativa do governo federal é que as medidas façam com que os juros do cartão caiam pela metade do patamar registrado na época em que as novas regras entraram em vigor, ou seja, para cerca de 245% ao ano.

Comente agora

Dólar passa a cair após abertura volátil sob forças opostas

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 10:13h
Dólar passa a cair após abertura volátil sob forças opostas

O dólar está volátil e sob pressão de forças opostas na manhã desta quinta-feira, 25, segundo operadores de instituições financeiras. Lá fora, a moeda americana exibe sinais mistos ante divisas emergentes, mas recua em relação a moedas principais. Há pouco, a moeda caía ante o real. A corretora Mirae diz em relatório a clientes que os investidores devem continuar a acompanhar os esforços para manter a agenda do Congresso Nacional, também consciente de um possível aumento nos protestos de rua contra as reformas trabalhista e da Previdência e pedindo a saída do presidente Michel Temer. A corretora Hcommcor afirma em relatório que o foco fica no futuro de Temer na Presidência, assim como no futuro das reformas.

Comente agora

ANP é autorizada a realizar leilões de óleo e gás em 2018 e 2019

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 08:57h
ANP é autorizada a realizar leilões de óleo e gás em 2018 e 2019

O Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) publicou nessa quarta-feira (24), no Diário Oficial da União, a Resolução que autoriza a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) a realizar a 15ª e 16ª rodadas de licitações de blocos para exploração na modalidade de concessão e as 4ª e 5ª rodadas de licitação de blocos sob regime de partilha de produção. A publicação estabelece diretrizes para o planejamento de licitações de blocos e campos para a exploração de petróleo e gás nos anos de 2018 e 2019. Para a 15ª rodada de licitações na modalidade de concessão, deverão ser selecionados os blocos das bacias marítimas da Foz do Amazonas, do Ceará e Potiguar; de águas ultraprofundas fora do Polígono do pré-sal das bacias de Campos e de Santos; das bacias terrestres do Paraná e do Parnaíba; além de blocos de todos os setores terrestres das Bacias Maduras de Sergie-Alagoas, Recôncavo, Potiguar e Espírito Santo.

Comente agora

Ryanair anuncia voos diretos entre Salvador e Madrid

Economia  Postado por Anacley Souza - 25/05 07:11h
Ryanair anuncia voos diretos entre Salvador e Madrid

A companhia aérea Ryanair anunciou nesta quarta-feira (24) uma parceria com a Air Europa que incluirá a rota Salvador/Madrid, na Espanha – apenas a capital baiana e São Paulo serão contempladas com as novas linhas. Em nota, a empresa disse ainda que negocia com outras companhias aéreas que fazem viagens de longos destinos para novas parcerias. Conhecida por ser uma empresa de tarifa baixa, a Ryanair é famosa na Europa, especialmente pelos voos baratos dentro do próprio continente.

Comente agora

Dolly reabre fábrica, e contador admite desvio de dinheiro de impostos

Economia  Postado por Anacley Souza - 24/05 20:41h
Dolly reabre fábrica, e contador admite desvio de dinheiro de impostos

A Dolly, que teve unidades de suas engarrafadoras fechadas na última quinta-feira (17) como resultado da Operação Clone, da Secretaria da Fazenda de São Paulo, firmou acordo com a pasta para retomar as atividades. A empresa afirma ter sido vítima de desvio de pelo menos R$ 100 milhões causada por Rogério Raucci, sócio do escritório de contabilidade Raucci & Domingues, que prestava serviços à empresa desde 2001. O esquema, segundo a Dolly, veio à tona a partir de depoimento de Esaú Domingues, que possui 1% das ações do escritório de contabilidade.Em depoimento para o Gaeco (Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado, do Ministério Público de SP) feito no dia 15 de maio, Domingues relatou um esquema no qual o dinheiro que deveria ser usado para pagar impostos era desviado para o escritório de contabilidade. Para isso, eram usados recibos de pagamento de impostos falsos criados por Raucci, segundo Domingues. Segundo Laerte Codonho, presidente da Dolly, Raucci era homem de confiança da empresa e as fraudes só foram descobertas neste ano.

Comente agora

Investimento recorde no Tesouro Direto chega a R$ 44,6 bilhões

Economia  Postado por Anacley Souza - 24/05 12:00h
Investimento recorde no Tesouro Direto chega a R$ 44,6 bilhões

O Tesouro Direto tem atraído cada vez mais investidores. Em abril, o estoque do dinheiro aplicado no programa chegou a R$ 44,6 bilhões, maior montante da série histórica. Na comparação com o mesmo mês do ano passado, o volume cresceu 45,9%. O Tesouro Direto é um programa que permite ao cidadão aplicar em títulos da dívida pública brasileira. É possível investir a partir de R$ 30 e o investidor tem acesso a opções diferentes de papéis: um com juros fixos, um segundo é corrido pela inflação e um terceiro pela Selic. Com informações do Portal Brasil. Em abril, os títulos remunerados por índices de preço respondem pelo maior volume do estoque, 64,6%. Em seguida, aparecem os títulos corrigidos pela taxa básica de juros, a Selic, representando 19,3% do total; e, por fim, os títulos prefixados, com 16,2% do estoque.

Comente agora

Consumidor reduz compras do dia a dia, muda de marca e estoca itens em oferta

Economia  Postado por Anacley Souza - 24/05 09:26h
Consumidor reduz compras do dia a dia, muda de marca e estoca itens em oferta

A redução do consumo experimentada pelos brasileiros, e que ajudou a reduzir a inflação nos últimos meses, revelou uma mudança fundamental no comportamento do consumidor: a compra orientada pelo preço. De acordo com economistas, na tentativa de diminuir os gastos mensais, especialmente no supermercado, a estratégia é substituir marcas tradicionais por próprias ou as concorrentes mais baratas, e estocar itens vendidos em promoções. "O consumidor reduziu a demanda por certos produtos e passou a comprar aos poucos os produtos do dia a dia", observa Marcos Quintarelli, especialista em varejo. Para o professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Roberto Kanter, não há mais fidelidade a grandes marcas. "A decisão do consumo está sendo prioritária por preço", observa Kanter. Se o atributo “preço, promoção ou desconto” é a nova menina dos olhos do consumidores, as grandes redes investem em descontos generosos para fisgar mais clientes.

Comente agora

Caixa Econômica registra lucro líquido de R$ 1,488 bilhão no primeiro trimestre

Economia  Postado por Anacley Souza - 24/05 08:55h
Caixa Econômica registra lucro líquido de R$ 1,488 bilhão no primeiro trimestre

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta quarta-feira (24) ter registrado um lucro líquido de R$ 1,488 bilhão no primeiro trimestre de 2017. O resultado aponta um crescimento de 81,8% em comparação com o mesmo período do ano passado, quando o lucro foi de R$ 818 milhões.  Em comparação com o quarto trimestre de 2016, quando o banco teve lucro de R$ 691 milhões, o resultado aponta um avanço de 115,3%. O lucro líquido recorrente, que desconsidera efeitos extraordinários, foi de R$ 1,682 bilhão, 49,6% maior do que no primeiro trimestre de 2016. O índice de inadimplência encerrou março em 2,83%, pouco abaixo dos 2,88% registrados em dezembro de 2016.

As despesas de provisão para devedores duvidosos chegaram a R$ 5,173 bilhões, um crescimento de 35,8% em comparação com o primeiro trimestre de 2016 (R$ 3,809 bilhões).

Comente agora

Eletrobras lança Programa de Demissão Voluntária

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 21:19h
Eletrobras lança Programa de Demissão Voluntária

Cerca de 4,6 mil funcionários da Eletrobras e suas controladas Centro de Pesquisas de Energia Elétrica (Cepel), Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica (CGTEE), Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), Eletronuclear, Eletronorte, Eletrosul, Eletropar e Furnas poderão aderir ao Plano de Aposentadoria Extraordinária (PAE) lançado pela holding. A iniciativa integra o Plano Diretor de Negócios e Gestão da estatal para o período de 2017 a 2021. A Eletrobras informou que o programa pretende reduzir custos e “adequar o corpo de funcionários à nova realidade do setor elétrico brasileiro”. As adesões voluntárias serão feitas em dois períodos, sendo que o primeiro termina no dia 30 de junho. Já o segundo período se estenderá de 10 a 31 de julho. Os desligamentos serão feitos em sete turmas, entre junho e dezembro deste ano. Segundo a Eletrobras, pelo menos 4.600 empregados podem aderir ao programa. Para aderir ao Plano de Aposentadoria Extraordinária, o empregado deve ter mais de 55 anos de idade e pelo menos 10 anos de trabalho na empresa no momento do desligamento.

Comente agora

Grupo de credores da Oi recorre à Justiça dos EUA para negociar recuperação

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 20:17h
Grupo de credores da Oi recorre à Justiça dos EUA para negociar recuperação

m grupo de credores da Oi iniciou nos Estados Unidos um processo especial conhecido como "Chapter 15" para tentar forçar a companhia a negociar a proposta de recuperação judicial feita no fim do ano passado e que prevê injeção de capital, além da tomada de controle da operadora. O G1 entrou em contato com representantes dos detentores de bônus da Oi e eles confirmaram a informação. Contatada pelo G1, a Oi disse que "não tomou conhecimento da situação". O objetivo da medida é garantir uma forma de eventualmente rejeitar, na justiça norte-americana, uma aprovação do plano de recuperação da Oi na justiça no Brasil que não leve em conta opções apresentadas pelo grupo em dezembro. No fim do ano passado, o grupo de detentores de bônus da Oi assessorado pela Moelis & Co propôs injetar US$ 1,25 bilhão de capital novo na operadora, oferta que lhes daria o controle imediato da empresa, por meio de uma troca de dívida por ações. O grupo é apoiado pelo bilionário egípcio Naguib Sawiris. Já o plano proposto pela Oi, atualizado em março, daria aos credores 25% das ações da empresa ou papéis conversíveis em bônus com vencimento em três anos, momento em que os credores poderiam ser donos de até 38% das ações da empresa. O plano poderia reduzir a dívida da Oi para cerca R$ 21 bilhões, menos da metade do nível atual, mas imporia descontos significativos para os detentores de bônus da empresa.

Comente agora

Companhia aérea do Japão aceitará bitcoin como forma de pagamento

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 19:53h
Companhia aérea do Japão aceitará bitcoin como forma de pagamento

A companhia aérea japonesa Peach Aviation se tornará a primeira empresa do ramo no país a aceitar a moeda virtual bitcoin como forma de pagamento para passagens. De acordo com o Financial Times, a companhia, que oferece serviços de baixo custo, busca aumentar a presença em outras partes da Ásia. Com a estratégia, a Peach tenta captar clientes e turistas da China e da Coreia do Sul, onde a moeda eletrônica está virando febre. A estratégia também é uma jogada de marketing para alavancar o nome da empresa nesses países. A moeda digital já é aceita pela AirBaltic, companhia de aviação econômica da Lituânia, e pela Lot, da Polônia, segundo a publicação. De acordo com o Financial, o anúncio ocorre após mudanças na regulamentação anunciadas pelo Japão no começo do ano que visa legitimar a moeda digital como forma de pagamento. Além disso, o governo também busca demonstrar um esforço em controlar a moeda que costuma estar associada a lavagem de dinheiro, ataques hakcers e outros crimes. Neste mês, porém, um ciberataque deixou diversos países em alerta.

Comente agora

Aviação doméstica registra segunda alta consecutiva no ano

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 18:55h
Aviação doméstica registra segunda alta consecutiva no ano

A demanda por transporte aéreo doméstico no Brasil cresceu pelo segundo mês consecutivo em abril, com alta de 3,2% em relação ao mesmo mês do ano passado. A oferta teve expansão de 2%. Como a demanda avançou mais do que a oferta, a ocupação foi 80,23% dos assentos disponíveis no período. Em abril foram 6,9 milhões passageiros transportados. Os dados foram divulgados hoje (23) pela Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), e são referentes às operações das empresas associadas Avianca, Azul, Gol e Latam. Juntas, as companhias respondem por mais de 99% do mercado doméstico. A Gol liderou a participação de voos domésticos em abril de 2017, com 35,27%, a Latam, com 33,04%, Azul respondeu por 18,93%, e Avianca por 12,76%. Segundo a Abear, os números devem ser vistos com ressalvas como indicativos da retomada consistente de crescimento do setor. " O ritmo de evolução da procura por voos caiu à metade do avanço de 5,9% registrado em março. Além disso, o crescimento atual se dá sobre o menor nível de demanda (abril de 2016) em 50 meses (desde fevereiro de 2013). O desempenho configurou a maior retração da demanda de todo o ano passado (baixa de 12,2% em comparação com abril de 2015)", diz a nota da associação. A Abear explica que os dados estatísticos de 2016 possui atipicidades decorrentes das instabilidades do quadro político-econômico, "o que dificulta análises seguras e limita a realização de projeções", informa a associação. "Tal cenário deve persistir por mais alguns meses. Em março o setor chegou ao fim do ciclo de repetidas retrações da demanda iniciado em agosto de 2015". (Terra)

Comente agora

Petróleo fecha em alta estimulado pela Opep

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 18:00h
Petróleo fecha em alta estimulado pela Opep

O petróleo subiu nesta terça-feira, a dois dias de a Opep e outros grandes produtores decidirem se vão estender o atual sistema de redução da oferta mundial. Em Nova York, o barril de “light sweet crude” (WTI) subiu 34 centavos, a 51,47 dólares nos contratos com entrega em julho. No mercado de Londres o barril de Brent do mar do Norte subiu 28 centavos, a 54,15 dólares,; também nas transações com entrega em julho. O mercado só tem olhos para a reunião de quinta-feira da Opep, da qual se espera uma extensão do regime de cotas vigente desde janeiro e que, a princípio, caducaria em junho. (AFP)

Comente agora

Mais dólares entraram do que saíram do país após denúncias contra Temer

Economia  Postado por Willyam Reis - 23/05 16:53h
Mais dólares entraram do que saíram do país após denúncias contra Temer

Apesar da crise política deflagrada pela delação da JBS, mais dólares entraram no Brasil do que saíram na quinta (18) e na sexta-feira (19) da semana passada, dias que seguiram a divulgação da existência do áudio da conversa entre o empresário Joesley Batista e o presidente Michel Temer. Segundo dados do Banco Central, na quinta a entrada de dólares superou a saída em US$ 2,3 bilhões e, na sexta, em US$ 1,1 bilhão. Os dados do fluxo cambial desta semana devem ser publicados nesta quarta (24). De acordo com o chefe adjunto do Departamento Econômico do BC, Fernando Rocha, é difícil determinar a razão para não haver mais saída do que entrada de dólares no mercado brasileiro nesses dias. "É muito difícil definir o que está acontecendo em um dia no mercado de câmbio. Há muitos participantes com interesses opostos. Houve alta na taxa de câmbio, o que pode ser favorável para o exportador, que decide internalizar recursos", afirmou. No acumulado do mês até o dia 19, a entrada de dólares superou a saída em US$ 486 milhões. Com informações da Folhapress. 

Comente agora

Saldo de investimentos no Tesouro Direto tem recorde de R$ 44,6 bilhões em abril

Economia  Postado por Willyam Reis - 23/05 13:48h
Saldo de investimentos no Tesouro Direto tem recorde de R$ 44,6 bilhões em abril

O estoque do Tesouro Direto chegou ao recorde de R$ 44,6 bilhões em abril. A Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda informou hoje (23) que houve crescimento de 2,2% no estoque em relação ao mês anterior (R$ 43,6 bilhões) e de 45,9% sobre abril de 2016 (R$ 30,5 bilhões). Os títulos remunerados por índices de preços respondem pelo maior volume do estoque, alcançando 64,6%. Na sequência aparecem os títulos indexados à taxa Selic, com participação de 19,3%, e os títulos prefixados, com 16,2%. A maior parte do estoque, 49,8%, é composta por títulos com vencimento entre 1 e 5 anos. Os títulos com prazo entre 5 e 10 anos correspondem a 27,8% e os com vencimento acima de 10 anos, a 17,2% do total. Cerca de 5,2% dos títulos vencem em até 1 ano. Investidores O acréscimo mensal de investidores cadastrados ficou em 44.389, totalizando mais de 1,366 milhão de participantes inscritos no final de abril, o que representa aumento de 85,2% nos últimos 12 meses.

Comente agora

Ancine exige impostos e cotas de produção nacional em serviços como Netflix

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 12:13h
Ancine exige impostos e cotas de produção nacional em serviços como Netflix

A Agência Nacional do Cinema (Ancine) apresentou suas recomendações para um novo regulamento dos serviços de vídeo sob demanda no país. Impostos, cotas de produção brasileira, investimentos com base na receita... O documento foi preparado após consulta pública e foi apresentado recentemente ao conselho do órgão. Segundo o regulamento apresentadora, o país precisa de leis específicas e plataformas como Netflix devem ser obrigadas a incluir uma porcentagem mínima de conteúdo brasileiro em seus catálogos. Esse sistema de cotas já existe na TV por assinatura, e fez a produção independente nacional crescer muito. A Ancine considera que 20% do catálogo de produções oferecidas em serviços de vídeo on demand (VOD) deve ser produzido no Brasil, e metade dessas atrações deve ser produzida por produtoras independentes nacionais.

Comente agora

Demanda por voos domésticos cresce 3,2% em abril, revela Abear

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 11:51h
Demanda por voos domésticos cresce 3,2% em abril, revela Abear

A aviação doméstica brasileira registrou em abril um crescimento de 3,2% na demanda por voos em comparação com o mesmo mês de 2016, marcando o segundo mês consecutivo de crescimento no indicador, de acordo com informações divulgadas nesta terça-feira, 23, pela Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear). A entidade, que apresenta a estatística com base no desempenho de suas associadas (Avianca, Azul, Gol e Latam), ainda informa que a oferta por voos domésticos aumentou 2% na mesma base de comparação, também marcando a segunda alta seguida no índice. Com a demanda crescendo em um ritmo superior à oferta, a taxa de ocupação dos voos domésticos em abril deste ano cresceu 0,93 ponto porcentual (p.p.) ante o mesmo mês de 2016, chegando a 80,23%.

Comente agora

Conta de luz pressiona inflação, diz FGV

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 09:27h
Conta de luz pressiona inflação, diz FGV

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) apresentou elevação de 0,35%, na terceira apuração do mês, taxa que é 0,05 ponto percentual maior em relação ao último levantamento (0,30%). Dos oito grupos pesquisados, cinco tiveram acréscimos com destaque para habitação que subiu de 0,44% para 0,93% sob influência da tarifa de eletricidade residencial, que passou de 1,52% para 5,78%. O levantamento é feito pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV), nas seguintes capitais: Recife, Salvador, Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Porto Alegre. A atual pesquisa ocorreu entre os dias 23 de abril e 22 de maio, comparados aos 30 dias imediatamente anteriores. Em vestuário, o índice aumentou de 0,55% para 0,72% e o principal item de alta neste grupo foi a blusa de malha infantil (de 1,85% para 2,26%). Também ocorreu leve aceleração em despesas diversas (de 0,21% para 0,26%) com a correção da tarifa postal (de 1,99% para 3,97%).

Comente agora

Bahia Farm Show tem programação de palestras sobre tecnologias e desafios do agronegócio

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 08:31h
Bahia Farm Show tem programação de palestras sobre tecnologias e desafios do agronegócio

feira anual de tecnologia agrícola e negócios, na região oeste da Bahia, a Bahia Farm Show (30 de maio a 3 de junho), terá uma programação de palestras e debates sobre desafios e soluções nos negócios de pequenos, médios e grandes agricultores no campo. A entrada para o Complexo Bahia Farm custa R$ 10, sendo R$ 2 revertidos para o Hospital do Oeste, por meio do programa “Ingresso Solidário”. A entrada garante também o acesso aos auditórios para conferir o cronograma de palestras. Segundo os organizadores, o principal destaque da programação oficial da feira é o tradicional Fórum do Canal Rural.

Comente agora

Programa de Regularização Tributária vai até 31 de maio

Economia  Postado por Anacley Souza - 23/05 07:19h
Programa de Regularização Tributária vai até 31 de maio

Até o próximo dia 31 de maio, quem tiver dívidas com a Fazenda Nacional vencidas até novembro do ano passado pode aderir ao Programa de Regularização Tributária (PRT) para regularizar a situação. A Receita Federal oferece três modalidades para liquidar as dívidas. As informações são do Portal Brasil. O débito pode ser parcelado em até 120 prestações, com parcelas menores nos três primeiros anos (0,5% da dívida em 2017; 0,6% em 2018; 0,7% em 2019; e 0,93% nos 84 meses finais). O órgão ainda permite que 20% da dívida seja paga à vista e em espécie e parcelamento do restante em até 96 prestações mensais e sucessivas. A última alternativa é quitar 80% da dívida com créditos na Receita, desde que haja o pagamento de 20% da dívida à vista e em espécie.

Comente agora

Número de pessoas que procuram crédito cai em abril

Economia  Postado por Anacley Souza - 22/05 21:52h
Número de pessoas que procuram crédito cai em abril

O número de pessoas que buscaram crédito em abril caiu 15,1% na comparação com março deste ano. Em relação a abril do ano passado, a demanda do consumidor por crédito recuou 5,1%. No acumulado do ano, houve queda de 0,7%, de acordo com o Indicador Serasa Experian da Demanda do Consumidor por Crédito. Segundo os dados, houve queda na procura por crédito em todas as faixas de renda. Para os consumidores que ganham até R$ 500 por mês, o recuo foi de 14,5%. Entre os que recebem de R$ 500 a R$ 1 mil, a queda foi de 15,3%, próxima da ocorrida para quem ganha entre R$ 1 mil e R$ 2 mil (-15,2%). Na faixa dos consumidores que ganham entre R$ 2 mil e R$ 5 mil mensais, o recuo foi de 14,6% e, para os que ganham entre R$ 5 mil e R$ 10 mil, de 14,3%. Entre os consumidores de renda mensal acima de R$ 10 mil, a procura por crédito caiu 13,8%. Quando analisadas as regiões, todas apresentaram queda em abril. As maiores foram de 17,6%, no Norte, e 17,3%, no Sul. No Nordeste, o recuo foi de 15,5% e, no Sudeste, de 14,2%. No Centro-Oeste, a queda foi de 13,1%.

Comente agora

Eletrobras lança plano de aposentadoria voluntária para até 4.607

Economia  Postado por Anacley Souza - 22/05 20:52h
Eletrobras lança plano de aposentadoria voluntária para até 4.607

A Eletrobras lançou nesta segunda-feira (22) um plano de aposentadoria voluntária para até 4.607 empregados, incluindo holding e subsidiárias, como parte das iniciativas previstas no Plano Diretor de Negócios e Gestão para o período 2017-21. A iniciativa, chamada de Plano de Aposentadoria Extraordinária da Eletrobras (PAE), está sendo implantada simultaneamente na holding e nas empresas Eletrobras CGTEE, Cepel, Chesf, Eletronuclear, Eletronorte, Eletropar, Eletrosul e Furnas, segundo explicou a elétrica. Em comunicado, a empresa disse que as adesões voluntárias ao PAE foram divididas em dois períodos, sendo o primeiro até o dia 30 de junho, enquanto o segundo ocorrerá entre 10 e 31 de julho. Os desligamentos ocorrerão entre junho e dezembro de 2017. São considerados elegíveis ao plano empregados com idade igual ou superior a 55 anos e com pelo menos dez anos de vínculo empregatício com a empresa, no momento do desligamento, que sejam aposentados pela previdência oficial ou em condições de aposentadoria pela previdência oficial até a data de desligamento, de acordo com as regras atuais do INSS.

Comente agora

Fiat anuncia recall de 70 mil veículos vendidos no Brasil

Economia  Postado por Anacley Souza - 22/05 20:21h
Fiat anuncia recall de 70 mil veículos vendidos no Brasil

A Fiat anunciou no domingo, 21, o recall de 70.740 carros vendidos no Brasil nos últimos meses por conta de um problema no alternador. De acordo com um comunicado publicado no site da empresa, o defeito pode causar funcionamento irregular e até o desligamento do motor dos veículos. No total, 13 modelos foram afetados em todas as suas versões: Fiat Bravo, Doblò, Doblò Furgão, Fiorino, Grand Siena, Idea, Linea, Novo Palio, Palio Fire, Palio Weekend, Siena, Strada e Uno, ano/modelo 2016 e 2017. A Fiat Chrysler Automóveis (FCA), o nome da montadora, recomenda que os proprietários desses veículos deverão procurar das concessionárias da marca para análise e substituição gratuitas da peça, caso necessário. O modelos mais afetado foi o Fiat Strada, com 28.935 unidades sob suspeita de falha, seguido do Grand Siena com 12.939 carros. Segundo o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), é dever da fabricante alertar os consumidores sobre os riscos oferecidos por produtos com defeito. Além disso, também é direito do consumidor ser informado sobre todas as medidas a serem tomadas para resolver o problema. O órgão também alerta que no caso específico de automóveis, tanto compradores que adquiriram

Comente agora

Planejamento prevê aumento de R$ 1,466 bi com abono e seguro-desemprego

Economia  Postado por Anacley Souza - 22/05 20:17h
Planejamento prevê aumento de R$ 1,466 bi com abono e seguro-desemprego

A previsão de gastos com o pagamento do abono salarial e seguro-desemprego em 2017 subiu R$ 1,466 bilhão, de acordo com o relatório bimestral de avaliação de receitas e despesas divulgado nesta segunda-feira, 22, pelo ministério do Planejamento. A previsão de gastos com essas despesas subiu de R$ 57,44 bilhões para R$ 58,90 bilhões. O relatório previu um aumento de R$ 3,697 bilhões das despesas em relação à avaliação anterior feita em março. Há uma previsão de aumento de R$ 486 milhões com o pagamento do Benefício de Prestação Continuada (BPC). A nova estimativa de despesas levou em consideração, no entanto, uma redução da previsão de gastos com o pagamento dos benefícios da previdência. A previsão dessas despesas, as maiores do Orçamento, caíram de R$ 560,56 bilhões para R$ 559,76 bilhões. (Estadão Conteúdo)

Comente agora

Feirão da Casa Própria começa sexta-feira (26) em Salvador com 17 mil imóveis

Economia  Postado por Anacley Souza - 22/05 19:55h
Feirão da Casa Própria começa sexta-feira (26) em Salvador com 17 mil imóveis

Com 17 mil imóveis novos e usados ofertados para negócio em Salvador e Região Metropolitana, e 228 mil em todo Brasil, a Caixa Econômica Federal dará início a 13º edição do Feirão da Casa Própria nesta sexta-feira (26). O evento acontece simultaneamente em outras 10 cidades brasileiras e o banco espera movimentar R$ 10,5 bilhões em todo país, repetindo o valor de negócios do evento de 2016. O feirão na capital baiana acontece no Shopping da Bahia, na sexta (26) e sábado (27) das 10h às 20h, e no domingo, das 10h às 18h. Das unidades ofertadas, de acordo com a Caixa, 75% são imóveis novos e 25% usados, com valores que vão de R$ 100 a R$ 800 mil, em média. Parte dos empreendimentos, pode ser financiada pelo programa Minha Casa Minha Vida, que permite um crédito de até R$ 300 mil. A instituição irá dispor também de outras linhas de crédito, como a Pró-Cotista (até R$ 800 mil). Para ter acesso às ofertas e fechar a compra no feirão, o consumidor deve levar documentos de identificação (RG, CPF), comprovantes de renda e residência atualizados.

Comente agora

MP que autoriza saque do FGTS corre risco de não ser votada

Economia  Postado por Anacley Souza - 22/05 18:19h
MP que autoriza saque do FGTS corre risco de não ser votada

A medida provisória (MP) que autorizou o saque do dinheiro de contas inativas do FGTS corre o risco de não ser votada a tempo pelo Congresso Nacional, em razão da crise política que atinge o governo após o presidente Michel Temer ser atingido pela delação do grupo JBS. A medida perde a validade na próxima semana e, caso não seja votada pela Câmara e Senado antes disso, trabalhadores nascidos entre setembro e dezembro perderão o direito de sacar os recursos. PUB A MP perde a validade em 1º de junho. O Palácio do Planalto e o líder do PMDB na Câmara, Baleia Rossi (SP), dizem que há acordo para votar a proposta nas duas casas legislativas antes disso. Em campanha pela renúncia de Temer e por eleições diretas para presidente, porém, a oposição nega acordo e diz que vai obstruir a votação. "Não tem acordo sobre nada. O País está em crise. Vamos obstruir", afirmou o líder da oposição na Câmara, deputado José Guimarães (PT-CE).

Comente agora

Dólar opera em alta nesta segunda-feira, em meio à instabilidade política

Economia  Postado por Anacley Souza - 22/05 09:47h
Dólar opera em alta nesta segunda-feira, em meio à instabilidade política

O dólar opera em alta nesta segunda-feira (22), com investidores ainda receosos em meio à instabilidade política. Às 9h20, a moeda norte-americana subia 1,35%, cotada a R$ 3,3011 na venda. Veja a cotação. A alta acontece a despeito do recuo da divisa no exterior e da intervenção do Banco Central, com o mercado aguardando a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) na quarta-feira (24) sobre se aceita ou não o pedido de Temer para suspender o inquérito contra ele, destaca a Reuters. O BC realiza nesta segunda-feira dois leilões de swap cambial tradicional (equivalente à venda futura de dólares). No primeiro, oferta até 40 mil novos contratos, dentro da estratégia de tentar acalmar o mercado de câmbio, movimento que se repetirá ainda na terça-feira.

Comente agora

ANS autoriza reajuste de até 13,55% para os planos de saúde

Economia  Postado por Anacley Souza - 22/05 08:29h
ANS autoriza reajuste de até 13,55% para os planos de saúde

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) fixou em até 13,55% o índice de reajuste a ser aplicado aos planos de saúde médico-hospitalares individuais e familiares, no período compreendido entre maio de 2017 e abril de 2018. O percentual é válido para os planos de saúde contratados a partir de janeiro de 1999 ou adaptados à Lei nº 9.656/98 e atinge cerca de 8,2 milhões de beneficiários, o que representa 17,2% do total de 47,5 milhões de consumidores de planos de assistência médica no Brasil, de acordo com dados referentes a abril de 2017. A decisão está publicada no Diário Oficial da União (DOU) dessa sexta-feira (19/05). As operadoras deverão informar no boleto de pagamento o índice de reajuste autorizado pela ANS, o número do ofício de autorização da ANS, nome, código e número de registro do plano, bem como o mês previsto para aplicação do próximo reajuste anual. As informações são da Assessoria de Comunicação da ANS.

Comente agora

Investidores dos EUA manterão distância da JBS, diz analista americana

Economia  Postado por Anacley Souza - 21/05 18:57h
Investidores dos EUA manterão distância da JBS, diz analista americana

Desde a divulgação de detalhes sobre as relações entre os principais políticos brasileiros e os irmãos Joesley e Wesley Batista, donos do grupo de empresas que inclui a JBS, muita gente especula que a delação premiada dos empresários seria uma estratégia para "limpar a barra" da companhia nos Estados Unidos. Isso porque os donos da maior produtora de carne do planeta estão preparando um IPO (sigla em inglês para Oferta Pública Inicial de ações) bilionário na bolsa de valores de Nova York. Com 65 frigoríficos espalhados pelos Estados Unidos, a JBS já é líder nas vendas de carne bovina, ovina e de frango no país e pretende expandir ainda mais sua atuação, com a subsidiária JBS Foods International. Para alguns, a delação que culminou na autorização de uma investigação contra o presidente Michel Temer pelo Supremo Tribunal Federal seria uma forma de transmitir "transparência" e mostrar ao Departamento de Justiça americano que a empresa estaria disposta a deixar gestos de corrupção no passado.

Comente agora

União Europeia espera finalização da ferrovia Transnordestina para garantir comércio via Suape

Economia  Postado por Anacley Souza - 21/05 07:31h
União Europeia espera finalização da ferrovia Transnordestina para garantir comércio via Suape

O Porto de Suape foi considerado estratégico na ampliação das relações comerciais e na atração de investimentos pela comissão de embaixadores da União Europeia, que visitam Pernambuco nesta semana. Mas, para que o complexo portuário cumpra o papel estratégico, é preciso que a ferrovia Transnordestina seja concluída. A afirmação é do embaixador do bloco João Gomes Cravinho, que nesta sexta-feira falou com a imprensa em nome do grupo. Segundo Cravinho, o porto pernambucano tem duas vantagens: fica perto do ponto mais próximo da Europa e tem capacidade de expansão, enquanto os outros principais portos brasileiros já “estão cheios”. Sonora: “Eu acredito que um investimento fundamental que está acontecendo é a ferrovia Transnordestina. Outros investimentos infraestruturantes de Pernambuco também vão ajudar aqui que o porto esteja mais ligado aos centros de produção num momento em que prevemos um aumento do comércio”. A previsão de aumento do comércio vem da expectativa de acordo comercial entre o Mercosul e a União Europeia, uma negociação que já dura vários anos

Comente agora

Lei da gorjeta agrada garçons e patrões

Economia  Postado por Anacley Souza - 20/05 18:39h
Lei da gorjeta agrada garçons e patrões

Sancionada no último dia 13 pelo presidente Michel Termer, a Lei da Gorjeta completou uma semana com avaliação positiva por parte dos garçons e patrões. A lei vale para todos estabelecimentos comerciais do país, tais como bares, restaurantes, hotéis, motéis, dentre outros, onde funcionários recebam valor adicional por parte dos clientes por conta da prestação de serviço no atendimento. “A lei é uma coisa boa, pois o combinado não sai caro”, disse o garçom Antônio Marco. Entretanto, o profissional não está surpreso, pois já trabalha com essa remuneração extra há muito tempo. “A gente já vem trabalhando assim, pois há tempos o sindicato vem atuando dentro dos padrões da nova lei”, acrescentou. Para o diretor do Sindicato dos Empregados no Comércio Hoteleiro, Restaurantes, Bares e Similares do DF (Sechosc), Leonardo Bezerra Pereira, a regulamentação normatiza uma situação que já era discutido há tempos. “Essa foi uma questão que sempre gerou inconveniência, pois a lei normativa não existia. Contudo, desde 2011 nós vinhamos acompanhando a tramitação do processo no Congresso.

Comente agora

Receita Federal alerta para e-mails falsos em nome da instituição

Economia  Postado por Anacley Souza - 20/05 15:47h
Receita Federal alerta para e-mails falsos em nome da instituição

Receita Federal alerta aos cidadãos para tentativas de fraude eletrônica envolvendo o nome da instituição e tentativas de aplicação de golpes via e-mail. Tais mensagens utilizam indevidamente nomes e timbres oficiais e iludem o cidadão com a apresentação de telas que misturam instruções verdadeiras e falsas, na tentativa de obter ilegalmente informações fiscais, cadastrais e principalmente financeiras. Os links contidos em determinados pontos indicados na correspondência costumam ser a porta de entrada para vírus e malwares no computador. A Receita esclarece que na DIRPF 2017 foi solicitado o email do contribuinte apenas para complementar seu cadastro e que não envia mensagens via e-mail sem a autorização do contribuinte, nem autoriza terceiros a fazê-lo em seu nome. A única forma de comunicação eletrônica com o contribuinte é por meio do Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC), localizado em sua página na Internet. Veja como proceder perante estas mensagens:

  1. 1. Não abrir arquivos anexados, pois normalmente são programas executáveis que podem causar danos ao computador ou capturar informações confidenciais do usuário;
  2. 2. Não acionar os links para endereços da Internet, mesmo que lá esteja escrito o nome da RFB, ou mensagens como "clique aqui", pois não se referem à Receita Federal; e
  3. 3. Excluir imediatamente a mensagem.
Comente agora

FMI projeta crescimento de 0,2% para o Brasil em 2017

Economia  Postado por Anacley Souza - 20/05 14:48h
FMI projeta crescimento de 0,2% para o Brasil em 2017

O Fundo Monetário Internacional (FMI) projeta um crescimento de 0,2% para o Produto Interno Bruto (PIB) neste ano e uma expansão econômica de 1,7% para 2018. “O crescimento em 2017 será sustentado pela safra de soja, pelo aumento do consumo, impulsionado pela liberação das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), uma retomada gradual do investimento e a alta dos preços do minério de ferro”, diz o relatório divulgado hoje (19) pelo fundo. As projeções para o Brasil estão abaixo do crescimento esperado para a América Latina e o Caribe, uma expansão econômica de 1,1% para a região em 2017 e de 2% em 2018. Para as previsões, o relatório leva em consideração uma modesta queda dos preços das commotities e o aumento das incertezas políticas globais. Para os economistas da entidade, a América Latina passa por um processo de lenta retomada econômica, após um período de recessão. No Brasil, o documento destaca que a inflação tem caído rapidamente, ficando dentro da meta ao fechar 2016 em 6,3%. O fundo ressalta ainda a emenda constitucional aprovada no fim do ano passado, que limitou os gastos do governo federal. “Essa emenda é bem-vinda, porque tem como objetivo garantir o retorno do superávit primário [economia para pagamento da dívida pública] e da sustentabilidade da dívida”, diz a análise do FMI.

Comente agora

Deputada quer proibir retenção de veículo por dívida do IPVA

Economia  Postado por Anacley Souza - 20/05 11:34h
 Deputada quer proibir retenção de veículo por dívida do IPVA

A deputada Ivana Bastos (PSD) apresentou projeto de lei que proíbe o recolhimento, retenção ou apreensão de veículo pela identificação de dívida do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). “Assim e, com base nos princípios constitucionais, justificamos inclusive o presente projeto como medida de combate a uma ilegalidade para melhor acomodar a pretensão do Estado no particular”, alertou a parlamentar. Segundo o documento entregue à Mesa Diretora da Casa, o não pagamento do imposto, até as datas limites fixadas, sujeita o infrator exclusivamente às penalidades estabelecidas em lei como multas, atualização monetária e acréscimos moratórios, bem como a lavratura do competente auto de infração, por servidor do Estado com poder de polícia, a ser realizada no local onde se verificou o débito. Ivana Bastos acredita que a situação descrita no corpo do projeto seria o que se configura como conduta arbitrária e ilegal, por meio da apreensão de veículos com o intuito coercitivo de cobrança do tributo. “Se utilizarmos da comparação, seria a mesma situação se o Estado expulsasse os proprietários de uma residência por atraso no IPTU, ou ainda, de forma ainda mais esdrúxula, seria como o recolhimento do veículo pelo não pagamento de multa, que também é um tributo”, justificou a deputada.

Comente agora

Com dívida bilionária e sem encomenda, estaleiro Enseada busca negócios

Economia  Postado por Anacley Souza - 20/05 11:19h
Com dívida bilionária e sem encomenda, estaleiro Enseada busca negócios

Sem encomendas e com uma dívida bilionária para pagar, a empresa Enseada Indústria Naval planeja explorar uma nova atividade na área onde está construído o estaleiro Enseada Paraguaçu, no interior da Bahia. A ideia da empresa, que tem como sócias as empreiteiras envolvidas na Lava Jato Odebrecht, OAS e UTC, além da japonesa Kawasaki, é aproveitar a estrutura montada para construir navios - que custou R$ 2,7 bilhões - e criar um polo industrial e logístico. "Já temos o ativo físico, como o cais, guindastes, acesso e um terminal de uso privado licenciado, além das licenças ambientais de operação. Isso nos dá uma vantagem competitiva", afirma o presidente da empresa Fernando Barbosa. Segundo ele, esse terminal seria usado para a importação de combustíveis, que hoje tem carência de infraestrutura em todo o Brasil. Na Bahia, diz o executivo, os grandes terminais de líquidos são ocupados pela operação de refinaria e pelo polo petroquímico. Apesar da infraestrutura construída no local, a empresa ainda teria de investir em tancagem e ter autorização da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Comente agora

Ritmo de corte de juros fica incerto após 'tsunami' causado por delação

Economia  Postado por Anacley Souza - 20/05 09:39h
Ritmo de corte de juros fica incerto após 'tsunami' causado por delação

O tsunami gerado pela delação de Joesley Batista trouxe uma nuvem de incerteza sobre os próximos passos do Comitê de Política Monetária (Copom). Antes da delação, crescia a aposta de que Banco Central poderia ser mais agressivo no corte do juro diante da fraqueza da atividade e da inflação bem comportada. O turbilhão político, porém, impõe incertezas e economistas esperam mais cautela do órgão, formado pelo presidente e diretores do BC. Eventual impacto inflacionário do dólar mais alto e as incertezas sobre o andamento das reformas são citados como os principais motivos para a esperada cautela no BC. A equipe econômica tem agido para evitar distorções no câmbio e insiste que continuará com a agenda de reformas para dar suporte à retomada do crescimento, mas especialistas acreditam que haverá mudanças e a política monetária é um dos itens que terá de ser ajustado no curto prazo. Ex-diretor do BC e assessor da presidência da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Sergio Werlang avalia que o noticiário sugere cautela. "No curto prazo, há impacto relativamente pequeno (na inflação), porque as políticas continuam em andamento, mas muito possivelmente o BC pode ficar mais conservador", disse.

Comente agora

Diferença de renda entre brancos e negros cresce com desemprego

Economia  Postado por Anacley Souza - 20/05 08:17h
Diferença de renda entre brancos e negros cresce com desemprego

O avanço do desemprego fez a desigualdade de renda entre brancos e negros voltar a crescer, interrompendo um processo de redução que se iniciara na década passada. Entre 2015 e o primeiro trimestre deste ano, a remuneração recebida por brancos em todos os trabalhos teve variação positiva de 0,8%. Já o rendimento de pardos caiu 2,8% no período, e o de pretos, 1,6%, de acordo com dados e classificação do IBGE. Até então, a situação era inversa: entre o primeiro trimestre de 2012, início da série histórica, e o último de 2014, o rendimento de pretos cresceu 8,6%, o de pardos, 6,5%, e o de brancos, 5,6%. O resultado é que um negro ganha 56% do rendimento médio de um branco, ante 59% no último trimestre de 2014. Já a renda do trabalho dos pardos é equivalente a 55% da que os brancos têm -no fim de 2014, era de 57%. A principal explicação para o retrocesso é a diferença de inserção profissional. Enquanto quase metade dos brancos está empregada em vagas com carteira, os negros concentram-se no mercado informal, em vagas sem carteira ou como autônomos, segundo dados de 2015 do Ipea. Apesar dessa distribuição desigual, os rendimentos de negros vinham crescendo mais rápido do que os de brancos. Entre 2001 e 2011, o rendimento da população negra aumentou 41,6%, ante aumento de 18,9% na renda dos brancos nesse mesmo período, de acordo com o Ipea.

Comente agora

Preço médio da gasolina cai para R$ 3,621, após 3 semanas seguidas de alta, diz ANP

Economia  Postado por Anacley Souza - 19/05 21:26h
Preço médio da gasolina cai para R$ 3,621, após 3 semanas seguidas de alta, diz ANP

preço médio do litro de gasolina no país caiu após três semanas de altas seguidas. Os dados são de levantamento da Agência Nacional de Petróleo (ANP) com base em pesquisas feitas em 5.661 postos de combustível em todo o país. O preço médio da gasolina passou de R$3,633 para R$ 3,621, uma queda de 0,33%, na semana encerrada no dia 20 de maio. Trata-se do menor valor desde 22 de novembro de 2015, segundo a série histórica da ANP, que não é corrigida pela inflação. O valor negociado do diesel também caiu 0,19%, de R$ 3,026 para R$ 3,020, após três semanas de altas seguidas. Já o valor médio do etanol segue queda acumulada das últimas duas semanas, negociado a R$ 2,593 ante o valor de R$2 ,608 da semana passada. A queda do preço se dá após a Petrobras anunciar há um mês que decidiu aumentar o preço da gasolina em 2,2%, na média, e do diesel em 4,3% nas refinarias. A queda no valor do etanol contribui para segurar o preço da gasolina, já que o combustível é misturado à gasolina.

Comente agora

Azul vai colocar mais de 150 vôos extras para a Bahia em julho

Economia  Postado por Anacley Souza - 19/05 20:31h
Azul vai colocar mais de 150 vôos extras para a Bahia em julho

Durante a alta temporada de julho, a companhia aérea Azul vai alocar mais de 150 voos extra cuja origem ou destino são cidades da Bahia. Os traslados irão ou partirão de Campinas, Belo Horizonte, Goiânia e irão para Salvador, Porto Seguro, Ilhéus e Valença. “Estamos bastante confiantes no acréscimo de demanda para a alta temporada de julho e já estamos nos preparando com aproximadamente mil voos extras em todo o país.”, disse Daniel Tkacz, diretor de Planejamento de Malha da Azul. Os vôos já estão disponíveis para compra nos canais de venda da companhia aérea. A Azul opera em dez cidades em toda a Bahia e opera com cerca de 30 decolagens diárias.

Comente agora

Crise e paralisação de reformas prejudicam recuperação econômica

Economia  Postado por Anacley Souza - 19/05 18:23h
Crise e paralisação de reformas prejudicam recuperação econômica

A economia brasileira sofrerá com os efeitos negativos da crise política deflagrada pela divulgação de áudios feitos pelo dono da JBS, Joesley Batista, que gravou conversas com o presidente Michel Temer (PMDB). Depois das gravações virem à tona, a PGR (Procuradoria Geral da República) pediu que Temer fosse investigado por obstrução da Justiça e corrupção passiva. De acordo com especialistas, a pulverização do apoio de Temer após o episódio faz com que o quadro econômico do país se complique ainda mais. Se por um lado a dificuldade em aprovar reformas aumentou substancialmente, por outro, o abatimento do governo promete frustrar investimentos. Essa combinação prejudica a tentativa de recuperação econômica. O que ainda não é consenso, contudo, é qual a dimensão desse impacto. “A crise afeta mais no longo prazo. Essa inanição do governo frustra tanto investimentos públicos quanto privados. O público depende da aprovação [no Congresso] e quebrou-se essa sintonia entre legislativo e executivo”, afirma o economista e professor do Insper Otto Nogami. “O investimento, no sentido mais amplo, é elemento indutor da economia”, diz.

Comente agora

Prazo para desconto no IPVA em placas de final 5 acaba dia 30

Economia  Postado por Anacley Souza - 19/05 18:01h
Prazo para desconto no IPVA em placas de final 5 acaba dia 30

O dia 30 de maio é o limite para ter 5% de desconto no pagamento em parcela única do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para proprietários de veículos de placa de final 5. Já para pagar o imposto em cota única sem desconto, o prazo vai até 31 de julho. O pagamento do imposto deve ser feito em uma agência ou caixa eletrônico do Banco do Brasil, Bradesco ou Bancoob. O contribuinte deve ter em mãos o número de Renavam. No mês de maio vence ainda primeira mensalidade de quem optou pagar o tributo parcelado, também no dia 31. Nos dias 29 e 30, respectivamente, devem ser pagas a segunda e terceiras parcelas do IPVA de veículos com números de placa final 3 e 4. A data limite para pagamento de imposto das demais placas pode ser consultadas no calendário IPVA 2017, que está no site da Sefaz-Ba. Dúvidas podem ser tiradas através do telefone 0800 071 0071. O pagamento do IPVA só pode ser feito se também forem quitadas a taxa de licenciamento e possíveis multas relacionadas àquele Renavam.

Comente agora

FMI projeta crescimento de 0,2% para o Brasil em 2017

Economia  Postado por Willyam Reis - 19/05 14:26h
FMI projeta crescimento de 0,2% para o Brasil em 2017

O Fundo Monetário Internacional (FMI) projeta um crescimento de 0,2% para o Produto Interno Bruto (PIB) neste ano e uma expansão econômica de 1,7% para 2018. “O crescimento em 2017 será sustentado pela safra de soja, pelo aumento do consumo, impulsionado pela liberação das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), uma retomada gradual do investimento e a alta dos preços do minério de ferro”, diz o relatório divulgado hoje (19) pelo fundo. As projeções para o Brasil estão abaixo do crescimento esperado para a América Latina e o Caribe, uma expansão econômica de 1,1% para a região em 2017 e de 2% em 2018. Para as previsões, o relatório leva em consideração uma modesta queda dos preços das commotities e o aumento das incertezas políticas globais. Para os economistas da entidade, a América Latina passa por um processo de lenta retomada econômica, após um período de recessão. No Brasil, o documento destaca que a inflação tem caído rapidamente, ficando dentro da meta ao fechar 2016 em 6,3%.

Comente agora
Veja mais

As 5+ comentadas












Todos os direitos reservados a Marcus Augusto Macedo | vozdabahia@hotmail.com