Voz


PodCast



Enquete





Blog

STJ decide que posse do Palácio Guanabara não pertence à Família Real

06/12/2018 22:44

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

A 4ª turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu, nesta quinta-feira (6), que a família imperial não tem direito sobre a posse do Palácio Guanabara, sede do governo do Rio de Janeiro, no bairro das Laranjeiras. Segundo o site Migalhas, o colegiado entendeu, por unanimidade, nos termos do voto do relator, ministro Antônio Carlos Ferreira, que o patrimônio é próprio nacional, adquirido com recursos do Tesouro Nacional, e, desta forma, não é de propriedade da família Orleans e Bragança. Os Recursos Especiais da 4ª turma discutem se o Palácio Guanabara estava incluído, no momento da Proclamação da República, em 15 de novembro de 1889, entre os bens privados da família imperial, ou se era bem público destinado apenas à moradia, finalidade que teria perdido com a queda da monarquia. Este é considerado o caso judicial mais antigo em tramitação no Brasil.  Desde 1895, a Família Real alega na Justiça que o governo não a indenizou pela tomada do Palácio, logo após a proclamação da República. (G1)


Veja Mais + Blog



As 5+ comentadas












Todos os direitos reservados a Marcus Augusto Macedo | vozdabahia@hotmail.com