Voz


PodCast



Enquete





Blog

Anac interdita aeronaves de empresa dona de helicóptero que caiu com Boechat

13/02/2019 21:00

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) suspendeu , em medida cautelar, a RQ Serviços Aéreos Especializados e interditou as aeronaves da empresa, dona do helicóptero que caiu na última-segunda-feira matando o jornalista Ricardo Boechat e o piloto, Ronaldo Quattrucci. A agência tomou a iniciativa por considerar que a empresa estava exercendo, irregularmente, a prática de táxi aéreo. O processo de investigação, segundo a Anac, foi aberto no próprio dia do acidente para constatar o tipo de serviço que estava sendo prestado com a aeronave de prefixo PT-HPG. A RQ Serviços Aéreos Especializados possuía autorização para prestar serviços especializados, como aerofotografia e aerocinematografia. A empresa, no entanto, não possuía autorização para transportar passageiros, prática exclusiva de empresas certificadas como táxi-aéreo. As licenças e habilitações de Quattruci como piloto comercial de helicóptero estavam válidas. Quattrucci, ao lado do filho, era dono da RQ Serviços Aéreos Especializados. As empresas envolvidas na contratação do serviço foram acionadas pela ANAC para prestarem esclarecimentos e apresentarem a documentação que comprove o tipo de contratação. As empresas Libbs Industria Farmacêutica, Zum Brazil Eventos e a própria RQ Serviços Aéreos Especializados têm prazo de cinco dias úteis para resposta a partir da publicação da decisão no Diário Oficial da União. A Zum informou que está colaborando com as investigações. O jornalista voltava de Campinas, no interior de São Paulo, onde havia feito uma palestra. (Ibahia)


Veja Mais + Blog



As 5+ comentadas












Todos os direitos reservados a Marcus Augusto Macedo | vozdabahia@hotmail.com